Quinta-feira, 17 de agosto de 2017

ISSN 1983-392X

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Confira as oportunidades!

Os melhores concursos jurídicos previstos para 2017

Para quem sonha em exercer os cargos de juiz, procurador, ou analista judiciário, o ano de 2017 reserva excelentes oportunidades. Isso porque está prevista a abertura de concursos jurídicos para 2017 para cargos de níveis médio e superior já incluídos no Orçamento Federal de 2017.

Entre os órgãos que visam abrir concursos públicos em 2017 estão o Ministério Público da União, o Ministério Público do Trabalho e a Câmara dos Deputados. A maioria dos certames ainda está em fase de liberação de verbas, mas assim que aprovadas as instituições poderão iniciar suas respectivas seleções.

É importante lembrar que os editais de concursos de juiz e procurador, por exemplo, cobram extenso conteúdo e seus processos seletivos são bastantes rigorosos. Portanto, iniciar a preparação para as provas com antecedência é fundamental para conseguir um resultado positivo em cada etapa, uma vez que cada avaliação exige uma pontuação mínima para passar para a próxima fase do concurso. Confira, a seguir, uma seleção dos melhores concursos jurídicos previstos para 2017:

Concurso do MPT 2017

O Ministério Público do Trabalho (MPT) está entre as instituições incluídas na lista dos concursos previstos para 2017 do Orçamento Federal deste ano. Ainda não foi definida a quantidade de vagas, mas o concurso do MPT 2017 vai oferecer oportunidades para procurador do trabalho, carreira que exige diploma em direito e três anos de experiência na área jurídica após a graduação. O salário do cargo de procurador corresponde a R$ 28.947,55.

Concurso do MPU 2017

Outro órgão que vai oferecer um dos melhores concursos para 2017 é o Ministério Público da União (MPU) que vai ofertar vagas para a carreira de procurador da república. Também incluso no Orçamento, a previsão é de que o concurso do MPU 2017 arrecade R$ 1,9 milhão com as taxas de inscrição.

Para participar do concurso de procurador do MPU, os candidatos devem ter graduação em Direito e experiência de três anos na área jurídica. A remuneração oferecida é de R$ 25.260,00.

Além disso, está em análise na Câmara dos Deputados, o projeto de lei 6006/2016 que prevê a criação de 842 vagas efetivas para o quadro de servidores do MPU. Do total de vagas, 134 são para procurador, 501 para técnico do MPU e 207 para analista do MPU.

Enquanto o cargo de técnico requisita nível médio, o posto de analista exige nível superior em várias áreas de formação. Os valores dos salários são de R$ 6.167,99 (técnico do MPU) e R$ 10.119,93 (analista do MPU). Saiba mais.

Concurso do TSE 2017

O concurso do TSE 2017 (Tribunal Superior Eleitoral) prevê a abertura de oportunidades para técnico judiciário e analista judiciário, cargos que requisitam nível médio e nível superior, respectivamente.

A projeção é de que a seleção ofereça 118 vagas, isso porque em 2016 a então presidente, Dilma Rousseff, sancionou a lei 13.250 que cria vagas para o tribunal. Do total de vagas, 110 são reservadas para analista judiciário do TSE e 08 para técnico judiciário do TSE. As remunerações estão fixadas em R$ 6.227,86 (técnico) e R$ 10.179,80 (analista), lembrando que esses valores serão reajustados com a aprovação do projeto que aumenta os salários dos cargos do judiciário.

Concurso do TJ-SP 2017

Para o concurso do TJ-SP 2017 (Tribunal de Justiça de São Paulo) está prevista a liberação de 210 vagas para as carreiras de juiz (22) e escrevente técnico judiciário (188). A autorização do concurso depende da aprovação do projeto de lei 44/2016 que trata da criação de 317 cargos para o quadro do TJ-SP.

A criação de mais cargos e varas para o TJ-SP será promovida para melhorar a estruturação das comarcas que apresentam congestionamento processual muito além da média, segundo a justificativa do projeto.

Para concorrer à carreira de escrevente técnico judiciário é preciso apresentar ensino médio, enquanto o posto de juiz do TJ-SP requisita formação em Direito e experiência de três anos na área jurídica. Os valores das remunerações são de R$ 4.473,16 para escrevente técnico judiciário; e de R$ 24.818,71 para juiz.

Concurso da Câmara dos Deputados 2017

Considerado um dos melhores concursos de 2017, o concurso da Câmara dos Deputados 2017 vai abrir vagas de técnico legislativo e analista legislativo, cargos que pagam salários iniciais de R$ 11.500,00 (técnico); e de R$ 17.600,00 (analista). Para concorrer à carreira de técnico é preciso ter formação de nível médio, enquanto o cargo de analista exige formação de ensino superior.

No Orçamento Federal 2017 já consta a previsão de 70.500 inscrições e o valor da taxa do concurso. Para técnico será cobrada a taxa de R$ 110,00, enquanto para analista a taxa será de R$ 150,00.

Concurso da DPU 2017

O concurso da DPU 2017 (Defensoria Pública da União) está prestes a lançar edital para defensor público federal. Isso porque já foi formada a comissão organizadora responsável pela elaboração do edital, que inclusive, já deu início à escolha da banca organizadora do certame.

Segundo o setor de recursos humanos do órgão, a quantidade de vagas ainda não foi definida e depende do posicionamento da administração superior da DPU. O cargo de defensor da DPU exige graduação em Direito e três anos de prática jurídica, e oferece remuneração de R$ 17.330,33.

________________

WIDE DESENVOLVIMENTO HUMANO E TECNOLOGIA S.A.