Segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

ISSN 1983-392X

A Chiado Editora entregou ao Papai Noel 4 obras. São elas:


  • 1 exemplar da obra "Nas profundezas da loucura: Simplesmente Alice"
  • 1 exemplar da obra "Cidades-Mortas: Aissur"
  • 1 exemplar da obra "A Vida de Paco Paredes"
  • 1 exemplar da obra "A Guria do IAPI"

_____________
_______

"Nas profundezas da loucura: Simplesmente Alice - Autor: Nathalia Batista" - (207 p.)

Alice Branco é uma mulher independente, decidida e com uma carreira promissora como decoradora na cidade de Andrazia. Isso é o que todos podem ver, mas ela guarda um grande e terrível segredo oriundo de um surto psicótico ocorrido há alguns anos. Seguia com sua vida fugindo de seus medos, até a chegada do misterioso Joseph Jones que, além da paixão, traz os seus maiores fantasmas à superfície de seus pensamentos. A partir desse relacionamento, dos acontecimentos vivenciados e de seu passado, que insiste em se manter impregnado em seu presente, ela precisará decidir o quê e como quer viver seu futuro.

"Cidades-Mortas: Aissur - Autor: Dêner B. Lopes" - (255 p.)

Os organizadores escolherão uma pessoa, a ser chamada Estopim, e mais dez ligadas diretamente ou não a ela. Os onze participantes serão encaminhados a Cidade-Morta de São Petersburgo, durante o período das noites brancas, por uma semana. Cada participante receberá sob o peito um chip eletrônico implantado, que permitirá a quem o possuir passar pela Linha de Choque da Estação no último dia e embarcar no Expresso para sua liberdade. Seus maiores obstáculos serão os milhares de Corredores: assassinos que habitam a cidade e têm por foco principal matar os portadores dos chips e, assim, ganhar sua independência. Os sobreviventes, como prêmio, terão o direto de fazer dois pedidos à nação, desde que sejam realizáveis e aprovados. Os que ficarem para trás serão deixados para trás. Aissur lhe deseja morte e, acima de tudo, bem lenta.

"A Vida de Paco Paredes - Autor: Pedro Afonso" - (205 p.)

Os filhos de Paco, o toureiro, nada mais sabem além do fato de que seu pai foi golpeado fortemente por um touro no dia de San Isidro, na Plaza de Toros de las Ventas em Madri, e que desde então passou seus últimos dias em casa sob a vigília constante das velharias que estampavam suas glórias do passado. Com intuito de resgatarem as memórias perdidas de seu pai, buscam os relatos da velha professora Monica, que em meio às inquietações em recordar um passado longínquo possui uma única certeza: quão raso é o conhecimento geral sobre Paco. Na verdade, conhecemos realmente àquele que está ao nosso lado diariamente? Cabendo a ela libertá-lo dos pré-conceitos existentes sobre ele, Monica nos oferece uma narrativa carregada de episódios onde os limites do razoável são constantemente superados, mostrando-nos que relacionar-se verdadeiramente com alguém é, acima de tudo, atrever-se a superar o senso comum.

"A Guria do IAPI - Autor: Luiza Carravetta" - (279 p.)

"A guria do IAPI" conta a história de uma menina pobre, criada numa vila, que consegue realizar uma trajetória acadêmica, tornar-se professora universitária, sendo referência para seus colegas contemporâneos e para seus alunos. A estrutura narrativa de cada capítulo é baseada num filme clássico, resgatando seu enredo e estabelecendo relações com a vida da autora. Partindo dos relatos autobiográficos, das lembranças do passado, das experiências vividas, das revoluções cotidianas, compartilham-se exemplos de superação, mostrando que é possível vencer a pobreza material para ser rico de valores morais e éticos.





PS
: Para concorrer automaticamente a todos os prêmios, basta atualizar seu cadastro, clicando aqui. E se no dia 25 de dezembro este Papai Noel pular na sua chaminé e rechear a sua árvore, parabéns, você é um migalheiro de sorte !