Quarta-feira, 18 de setembro de 2019

ISSN 1983-392X

Curso

Classificação Fiscal de Mercadorias e os Impactos no SPED e na NF-e


Curso Prático

Classificação Fiscal de Mercadorias e os Impactos no SPED e na NF-e

  • Data: 19/4
  • Horário: ver programação
  • Local: RB1 - Centro de Conveções (Av. Rio Branco, 01, Pavimento de Convenções, Centro - Rio de Janeiro/RJ)

Objetivo

Demonstrar as Nomenclaturas derivadas do Sistema Harmonizado (SH); orientando os participantes sobre a correta utilização da NCM no dia a dia das empresas e suas implicações no SPED e NF-e. Estudar e aplicar as regras de Classificação Fiscal e os processos de consulta junto à Receita Federal do Brasil.

Público-alvo

Contadores, classificadores fiscais, compradores, consultores, auditores e responsáveis por áreas aduaneiras ou fiscal tributárias das empresas.

Programa

O curso apresenta a teoria necessária para a prática profissional, considerando a nova TIPI, Decreto nº 7.660 de 23.12.2011, em vigor desde 1º de Janeiro de 2.012 e os impactos no cadastro de produtos da sua empresa.

Introdução

  • Origem da Classificação de Mercadorias;
  • Necessidade e aplicação da Classificação de Mercadorias nas negociações internacionais;
  • Nomenclatura : NALADI – Utilização;
  • Normas legais e suas competências (Decretos, Resoluções CAMEX, ADE);
  • Histórico da evolução das nomenclaturas brasileiras (NBM x NCM).

Classificação Fiscal de Mercadorias

  • Estrutura das Nomenclaturas (Nova TIPI, Decreto 7.660/11, em vigor a partir de 1º/01/2.012 e TEC);
  • Ex-Tarifários;
  • Regras Gerais de Interpretação do Sistema Harmonizado;
  • Roteiro de Classificação;
  • Correlação entre NBM x NCM.

Processos e Procedimentos Complementares

  • NESH - Notas Explicativas do Sistema Harmonizado;
  • Consulta oficial sobre Classificação Fiscal junto a RFB:

- Base legal;

- Documentação necessária;

- Empresas aptas ao processo de consulta;

- Efeitos da consulta;

Impactos da Classificação Fiscal no Sped e Nf-E

  • Documentos e arquivos eletrônicos em que são referenciados;
  • Obrigatoriedade do preenchimento;
  • Utilização incorreta ou não preenchimento do código inclusive no âmbito do ICMS;

Consequências para Remetente e Destinatário no Caso de Enquadramento Indevido

  • Multas e penalidades aplicáveis;

Como Classificar Corretamente um Produto na NCM, Utilizando a Nova Tipi.

Classificação de Produtos Compostos

Essencialidade

Exemplos práticos de classificação fiscal

Programação

9h - Início

10h - Coffee Break

12h30 às 13h30 - Intervalo

16h - Coffe Break

18h - Encerramento

Instrutores/Palestrantes

- Altair Santiago
Consultor FISCOSoft - atuando como coordenador do Departamento de Classificação Fiscal de Mercadorias; Bacharel em Ciências Contábeis formado em 1990; Bacharel em Direito formado em 2010, Pós graduando em Direito Tributário pelo IBET; Experiência em empresas privadas de diversos segmentos.

Carga horária

7 horas e 30 minutos

Investimento

R$ 620,00

*Inclusos : Coffee- Break; Material de Apoio; Certificado; Plantão de Dúvidas (10 dias)

Realização

  • FISCOSoft Editora

______________

Ganhadora :

  • Alessandra Emília Barbosa

INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES

TELEFONE

(11) 3382-1030

e-mail

cursos@fiscosoft.com.br

ou

Clique aqui

Publicado em: quarta-feira, 28 de março de 2012