Domingo, 15 de setembro de 2019

ISSN 1983-392X

Gramatigalhas

por José Maria da Costa

"Site"/Saite/Sítio

quinta-feira, 2 de março de 2006

dúvida do leitor


O leitor Flávio Marthes Molli envia-nos a seguinte mensagem:

"Gostaria de saber do Prof. Dr. José Maria da Costa se, ao citarmos um artigo ou mesmo um texto da internet, qual seria a forma correta de escrever: site, saite ou sítio. Por exemplo: Texto retirado do site (saite/sítio) www.migalhas.com.br. Grato."

E o leitor Cláudio B. Costa também assim se manifesta:

"Solicito ao dr. José Maria da Costa a gentileza de esclarecer-me qual é a pronúncia correta do vocábulo SITE, colocado em uma frase, em português, se deve estar entre aspas ou em caracteres diferentes do resto da frase. Antecipadamente grato."

envie sua dúvida

1) O conjunto das palavras existentes em nosso vocabulário não é um sítio arqueológico, em que nada de novo acontece e tudo se encontra fossilizado. As palavras, na língua, têm vida, de modo que nascem, têm sua existência, às vezes se modificam, quer em estrutura, quer em sentido, e muitas vezes morrem.

2) Uma das razões do aparecimento de novos vocábulos é a tecnologia. Palavras como televisão, telégrafo e telefone surgiram com a invenção dos aparelhos conhecidos pelos respectivos nomes. Assim, de acordo com a necessidade, novos termos vão surgindo, em razão da ausência de vocábulo correspondente em português. É o que se denomina neologismo.

3) Quando surge o problema, porém, como se deve resolver a questão:

a) – aportuguesa-se simplesmente a palavra de outro idioma?;

b) – grafa-se a palavra tal como em seu idioma de origem?;

c) – ou se emprega outra palavra em português, que seja a tradução da palavra de outra língua?

4) Ora, num primeiro aspecto, nem sempre a tradução fiel da palavra para o vernáculo corresponde ao sentido do termo na língua de origem. Assim, é questionável que sítio corresponda a "site".

5) Por outro lado, quando se confere forma nova a um vocábulo em português, é preciso verificar se ele consta da relação do Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa, que é uma espécie de dicionário que lista as palavras reconhecidas oficialmente como pertencentes à língua portuguesa, bem como lhes fornece a grafia oficial. Esse VOLP é elaborado pela Academia Brasileira de Letras, que tem a responsabilidade legal de editá-lo, em cumprimento à vetusta Lei Eduardo Ramos, de n. 726, de 8.12.1900.

6) Assim, se consta do VOLP, então a palavra pertence ao nosso léxico; em caso contrário, ela não existe para o idioma. A ABL é a autoridade suprema para listar oficialmente as palavras existentes em nosso léxico.

7) Pois bem. Em termos bem concretos, saite não se encontra no VOLP. Por outro lado, sítio também não expressa fielmente o que a palavra diz no idioma de origem.

8) Quando isso acontece, então se deve citar a palavra no idioma de origem, apenas com o cuidado de grafá-la em itálico, negrito, sublinha ou entre aspas: site, site, site ou "site".

Manual de Redação Jurídica
José Maria da Costa

José Maria da Costa é graduado em Direito, Letras e Pedagogia. Primeiro colocado no concurso de ingresso da Magistratura paulista. Advogado. Mestre e Doutor em Direito pela PUC/SP. Ex-Professor de Língua Latina, de Português do Curso Anglo-Latino de São Paulo, de Linguagem Forense na Escola Paulista de Magistratura, de Direito Civil na Universidade de Ribeirão Preto e na ESA da OAB/SP. Membro da Academia Ribeirãopretana de Letras Jurídicas. Sócio-fundador do escritório Abrahão Issa Neto e José Maria da Costa Sociedade de Advogados.