Quarta-feira, 21 de agosto de 2019

ISSN 1983-392X

Gramatigalhas

por José Maria da Costa

Desde

quarta-feira, 8 de setembro de 2004

dúvida do leitor

Ainda em tempo de Olimpíadas, o leitor Antônio Carlos de Souza envia ao autor de Gramatigalhas a seguinte indagação: "Voltando à questão dos erros de ocasião, como o do 'recorde' da semana passada, parece-me que há um equívoco na fala de alguns narradores de jogos e competições, quando dizem: 'Estamos transmitindo esta partida desde Atenas'. O que é certo e o que é errado neste campo?"

envie sua dúvida

1) Trata-se de preposição que indica tempo ou espaço com noção de continuidade desde seu ponto de partida. Ex.:

a) “Desde a última segunda-feira, estão abertas as inscrições para o concurso da Magistratura”;

b) “Desde Miguelópolis até aqui, viajamos de ônibus”.

2) Na lição de Júlio Ribeiro, tal preposição indica “precisamente o ponto de partida, quer local, quer temporal”, do que o referido gramático dá exemplos:

a) “Desde Sevilha...”;

b) “Desde ontem à noite até hoje pelas cinco horas1.

3) Muito embora, entretanto, possa haver em tal vocábulo a acepção de local, de ponto de partida, anotam Hêndricas Nadólskis e Marleine Paula Marcondes Ferreira de Toledo que não se deve empregar tal preposição para indicar somente o local de origem, sem idéia de continuidade no espaço, erro esse muito freqüente, bastando que se atente aos meios de comunicação. Exs.:

a) “O julgamento foi transmitido desde Brasília por aquela emissora de televisão”.2 Corrija-se para: “O julgamento foi transmitido de Brasília por aquela emissora de televisão”.

4) Para resumir: a preposição desde tem o conteúdo semântico de "tempo ou espaço com noção de continuidade desde seu ponto de partida", mas não deve ser empregada "para indicar somente o local de origem, sem idéia de continuidade no espaço".

5) Confira-se, assim, a correção ou a erronia de seu emprego nos seguintes exemplos:

a)- "O sinal de transmissão demora poucos segundos para vir desde Atenas até o Brasil"(correto, porque, no caso, seu uso se dá com noção de continuidade desde seu ponto de partida);

b) - "O jogo foi transmitido desde Atenas, com exclusividade, por aquela emissora de televisão" (errado, porque, no caso, seu uso se dá sem idéia de continuidade no espaço).

__________

1 Cf. RIBEIRO,
Júlio. Gramática Portuguesa. 8. ed. Rio de Janeiro: Livraria Freitas Bastos, 1908. p. 309.

2 Cf. NADÓLSKIS, Hêndricas; TOLEDO, Marleine Paula Marcondes Ferreira de. Comunicação Jurídica. 2. ed. São Paulo: Edição dos Autores, 1998. p. 111.

Manual de Redação Jurídica
José Maria da Costa

José Maria da Costa é graduado em Direito, Letras e Pedagogia. Primeiro colocado no concurso de ingresso da Magistratura paulista. Advogado. Mestre e Doutor em Direito pela PUC/SP. Ex-Professor de Língua Latina, de Português do Curso Anglo-Latino de São Paulo, de Linguagem Forense na Escola Paulista de Magistratura, de Direito Civil na Universidade de Ribeirão Preto e na ESA da OAB/SP. Membro da Academia Ribeirãopretana de Letras Jurídicas. Sócio-fundador do escritório Abrahão Issa Neto e José Maria da Costa Sociedade de Advogados.