Quarta-feira, 23 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

Migalaw English

por Luciana Carvalho Fonseca

Quotaholder, stockholder e shareholder

segunda-feira, 28 de abril de 2008

dúvida do leitor


A leitora Beatriz Regius von Péterffy, envia-nos a seguinte mensagem:

"Prezada MsC Luciana Fonseca, suas análises e contribuições são, sem dúvida, de grande auxílio para todos nós! Ainda no que diz com o uso do 'quotaholder' (Migalhas 1.873 - 7/4/08 - "Migalaw English" - clique aqui), que não deixa de ser um mix de latim com inglês, pergunto se estaria equivocado usar-se 'stockholder' em seu lugar. Grata e cordiais saudações." - Beatriz Regius von Péterffy

envie sua dúvida


Quotaholder, stockholder e shareholder

1) Quotaholder, como vimos na coluna de 7/4/08, não é, propriamente, um termo da língua inglesa, mas uma manifestação da apropriação do inglês pelos falantes de português. Assim, seu uso deveria limitar-se a contextos muito específicos em que, por exemplo, todos os envolvidos tenham conhecimento da realidade brasileira. Caso contrário, o emprego do termo, muito provavelmente, causaria estranheza e falta de naturalidade. Nessas situações, o falante deveria preferir member ou partner como formas mais idiomáticas de sócio-quotista.

2) Assim, sócio-quotista e stockholder  não são sinônimos, pois enquanto o primeiro se refere às Sociedades Limitadas, o segundo é usado para designar sócios de Sociedades por Ações.

3) Por outro lado, stockholder e shareholder são considerados sinônimos (Black’s e Garner) e são empregados para designar proprietários ou detentores de ações de uma empresa: os acionistas.

4) Além de stockholder e shareholder, temos ainda, os termos stockowner e shareowner com a mesma acepção. Entretanto, shareholder é o termo mais utilizado no inglês americano para designar acionista.

5) Termos relacionados:

a) blue sky laws – legislação estadual que regula a emissão e venda de ações entre estados

b) common shares – ações ordinárias

c) dummy shareholder – acionista ‘laranja’ ou ‘testa de ferro’ (dependendo do contexto)

d) majority shareholder – acionista majoritário

e) minority shareholder – acionista minoritário

f) outstanding shares – ações em circulação

g) preferred shares – ações preferenciais

6) Referências:

a) Garner, B. (2001). A Dictionary of Modern Legal Usage (Oxford Dictionary of Modern Legal Usage). New York: Oxford University Press, USA.

b) Nogueira, D. (2000). Vocabulário para Balanços e Relatórios Anuais Português-Inglês Inglês-Português (Mil & Um Termos). São Paulo: Special Book Services Livraria Ltd.

c) Nogueira, D. (2000). Vocabulário para Direito Societário Português-Inglês Inglês-Português (Mil & Um Termos). São Paulo: Special Book Services Livraria Ltd.

d) W., J. (2003). Business Law (Barron's Business Review Series). Hauppauge NY: Barron's Educational Series.

e) (2004). Black's Law Dictionary, Eighth Edition (Black's Law Dictionary (Standard Edition)). Mason, Ohio: Thomson West.

______

Luciana Carvalho Fonseca

Luciana Carvalho Fonseca é professora doutora do Departamento de Letras Modernas (DLM) da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH/USP) e da pós-graduação em Tradução (TRADUSP). Fundadora da TradJuris - Law, Language and Culture e autora dos livros "Inglês Jurídico: Tradução e Terminologia" (2014) e "Eu não quero outra cesárea" (2016).