Segunda-feira, 14 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

"Assisti ao vídeo e, a meu ver, o nobre causídico extrapolou a forma de protestar contra seja lá o que for (Migalhas 4.625 – 17/6/19 – Confusão). Desrespeitou os policiais que lá estavam cumprindo seu dever, gritando alucinado e desferindo impropérios, numa atitude imprópria de um advogado. Há medidas judiciais apropriadas para se protestar pelas prisões que, segundo ele, seriam ilegais. Sem querer entrar no mérito das ações dos policiais, se foram corretas ou não, mas a atitude do advogado, com certeza, foi inadequada. É o que penso!"

Nilo César Vaz Lima - 15/6/2019

Comente