Terça-feira, 12 de novembro de 2019

ISSN 1983-392X

"A propósito da MP que será editada para pôr fim à multa de 10% sobre o FGTS, o questionamento que Migalhas faz sobre 'qual a lógica' da medida, é pergunta própria de funcionário público aposentado, que passou toda a vida 'produtiva' refastelando-se nos privilégios como alto salário, duplas férias anuais, abonos, auxílios, estabilidade e, finalmente, passou a gozar gostosamente da aposentadoria integral (Migalhas 4.709 – 15/10/19 - Multa - FGTS). Tivesse vivido um pouco que fosse a dura vida do pagador de impostos (seja do trabalhador da iniciativa privada, cujo medo maior é o desemprego, sabidamente fomentado pelo absurdo custo imposto à folha de salários; seja do empresário, que busca, a duras penas, gerar riqueza e emprego e, quem sabe, um pouco de lucro) não diria uma asneira dessas."

Shirlei Melo - 16/10/2019

Comente