Segunda-feira, 24 de junho de 2019

ISSN 1983-392X

Porandubas Políticas

por Gaudêncio Torquato

Porandubas nº 181

quarta-feira, 18 de março de 2009

Dilma Rousseff

À guisa de introdução, dois versinhos de um canto poético sobre a ministra Dilma Rousseff, que a verve nordestina, com a gentileza de Suyane França, Assessora de Comunicação e Marketing da Prefeitura de São Miguel/RN, manda para esta Coluna :

"Eu também quero uma lasquinha
Uma filepa de poder
Quero olhar nos olhos dela
E, ternamente, dizer
Que mais bonita que ela
Mulher nenhuma há de ser.

Eu já vi um deputado
Dizendo no Cariri
Que Dilma é linda e charmosa,
Igual não existe aqui,
E é capaz de ser mais bela
Que Angelina Jolie."

Pois é, conduzida pelo balão de Lula, a ministra Dilma poderá chegar, logo, logo, aos 20% de intenção de voto na região. Ultrapassando este índice, a propulsão se tornará a jato. A conferir.

Amigo do Papa

Rui Carneiro, paraibano matreiro, era candidato a senador pelo PSD, em 1955. A UDN tinha apoio dos comunistas. Rui esteve na Europa, voltou, foi fazer o primeiro comício da campanha : - Paraibanos, estive em Roma com o Papa. Ele me cochichou : Rui, se destruírem meu trono aqui no Vaticano, sei que tenho um grande amigo lá na Paraíba. Vá, dê lembranças à comadre Alice e diga ao povo que estou com você. Ganhou a eleição. O velho amigo Sebastião Nery, com sua graça, nos brinda com essa matreirice.

Serra que se cuide

José Serra não é muito simpatizado no nordeste, desde os tempos da Constituinte de 88, quando tentou inviabilizar políticas de interesse regional. O nordeste tem 30% dos votos do país. "Vilma do Chefe", como Dilma começa a ser conhecida por lá, será transformada em "Dilma do Lula", nas margens eleitorais. A linguagem do povo vence qualquer obstáculo. Mas o governador paulista confia que tem cacife para chegar à alma do nordestino. A conferir.

"Um bom discurso deve esgotar o tema, e não os ouvintes."(Churchill)

Aécio que se viabilize

Aécio Neves, o governador de Minas Gerais, começa a puxar o trem de freio em matéria de prévias. Neves contaria com as prévias para fazer muito barulho. Tem mais prestígio que Serra nas bancadas parlamentares. Poderia arregimentar as bases. O governador paulista, por sua vez, é bem mais conhecido e com maior lastro eleitoral. A alternativa de Neves seria sair como candidato à presidência pelo PMDB. O partido, a cada dia, perde as esperanças. Até porque a porteira de entrada tem uma data para fechar : final de setembro deste ano. E as prévias do PSDB ocorreriam ao final do ano. Logo, ele terá de permanecer na floresta tucana.

"O que é um adulto ? Uma criança recheada de idade." (Simone de Beauvoir)

Chapa pura ?

Há quem pregue uma chapa pura entre os tucanos : Serra, presidente e Aécio, vice. Como vice é vice e Serra não cede poder nem ao papa, o governador mineiro estará melhor com o figurino de senador.

"O ser humano é a soma de suas fantasias." (Henry James)

Três modos de eleger 

"Santo Agostinho distingue três modos de eleger : a primeira tem o nome de eleição e se faz entre bons e maus; a segunda é a subeleição, e se faz entre bons e melhores e a terceira é a pré-eleição, que escolhe dos melhores o ótimo". Padre Bernardes era um sábio.

O vice de Dilma  

Pois bem, a equação das chapas passa pelos acordos interpartidários. O PT aposta na aliança com o PMDB e já sinaliza com dois nomes para a vice : Michel Temer, presidente da Câmara dos Deputados, e Geddel Vieira Lima, ministro da Integração Nacional. A lógica : Dilma gostaria de equilibrar a chapa com um nome do maior colégio eleitoral do país, São Paulo, com 30 milhões de eleitores. E compensaria sua visão técnica com a visão política de Michel Temer. O nome de Geddel é lembrado por ser do nordeste, fato que poderia mobilizar o eleitorado regional. A cúpula do PT aposta mais em Temer, pois o nordeste, acredita, virá em direção a Dilma, puxado pela locomotiva Lula.

"Um homem de 60 anos já passou 20 anos na cama e mais de 3 anos comendo." (Enoch Arnold Bennett)

O vice de Serra 

Pela lógica, o vice de José Serra - se for ele o candidato - deverá ser do nordeste. A aliança do sudeste com o nordeste é fundamental para a eficácia eleitoral. Nesse caso, os nomes poderiam vir do DEM - aliado preferencial - ou mesmo do PMDB, caso este se apresente rachado, como se imagina. O nome peemedebista mais badalado é o do senador Jarbas Vasconcelos, de Pernambuco, enquanto José Agripino, o senador potiguar do DEM, é um dos mais lembrados para compor a chapa do tucano.

"Eu prefiro a companhia dos animais, eles são muito mais simples". (Freud)

O PT paulista

Lula gostaria que o deputado Antonio Palocci fosse o candidato do PT ao governo de São Paulo. Palocci espera sair, ileso, do processo que tramita no STF. Se não conseguir, o PT pensa no nome do prefeito Emidio de Souza, de Osasco. Ora, o partido tem nomes mais fortes, entre eles, os senadores Eduardo Suplicy e Aloizio Mercadante. Mas o receio de mais uma derrota petista os afasta do risco. Fernando Haddad, o ministro da Educação, poderia encarnar o perfil do novo. O PT paulista não tem boas opções. Está encalacrado.

"A pressa mais atrasa que adianta." (Quinto Curcio)

Cresso, Rei da Lídia

Cresso, Rei da Lídia, havendo-se vestido com todos os adornos e galas que lhe pedia a sua vaidade e lhe facilitava a sua opulência, subiu ao trono e disse para o sábio Sólon : Viste jamais espetáculo tão formoso ? Respondeu o sábio : Vi, e muito maior : os galos, as araras e os pavões. Padre Manuel Bernardes.

Dr. Hélio

Já o PDT trabalha para dar impulso à candidatura do dr. Hélio, prefeito de Campinas, ao governo paulista.

E os tucanos ?

O candidato in pectore de José Serra é o chefe da Casa Civil, Aloysio Nunes Ferreira. Que articula bem nos bastidores, recebendo prefeitos, atendendo pleitos municipais. Mas Aloysio, convenhamos, é meio fechadão, cara de bravo. Não irradia simpatia. O secretário de Desenvolvimento, Geraldo Alckmin, tem um bom recall e uma bagagem eleitoral de peso. Pode ser o coringa de Serra. José Aníbal, o líder tucano na Câmara, também é um bom nome. Teve ótima votação para o Senado, tempos atrás, mostrando que conhece o caminho das urnas.

"Colha o dia, não confie no futuro." (Horacio)

E Skaf, hein ?

E o candidato Paulo Skaf, hein ? Qual será a última movimentação ? Será que já fechou com o PSB e o PDT ? Skaf tem até final de setembro para se filiar a um partido de esquerda.

"Todos os caminhos conduzem a mim mesmo." (Jacques Lanzmann)

Decalagem 

A "decalagem" (lead) é a distância entre a posição corretamente prevista do alvo móvel e a posição real de onde os últimos sinais foram recebidos. Assim, para levar em conta a "decalagem", o caçador antecipa, dispara à frente da ave em um vôo ou do prato de barro; aponta, não ao próprio alvo, mas a um ponto previsto na sua trajetória. Em política, qual é aptidão de um candidato para prever e antecipar as dificuldades que terá de enfrentar ? Qual é a eficácia de sua previsão ? Qual a sua aptidão para antecipar situações futuras ? Como tenta aumentar o seu "avanço" e melhorar a sua taxa de "decalagem" ? Essa é uma questão que a Coluna apresenta aos leitores para análise de viabilidade dos pré-candidatos acima citados.

Ultraje

A ganância não tem limites. Pois não é que, em plena crise, a Seguradora AIG quer distribuir US$ 165 milhões aos seus principais executivos dos EUA ? Lembrancinha : foi essa mesma Seguradora que recebeu US$ 180 bilhões do governo para não fechar as portas.

Franceses

Elias Canetti sobre esse povo : "O símbolo da massa dos franceses tem uma história jovem; é a sua revolução. A festa da liberdade é comemorada todos os anos. Ela se transformou na festa nacional da alegria propriamente dita. No dia 14 de julho cada qual pode dançar com quem quiser na rua".

Costa e anastasia, os candidatos

Hélio Costa firma-se como candidato do PMDB ao governo de Minas. O vice-governador Antonio Anastasia é o nome tucano mais forte para o governo. O DEM tende a apoiar o candidato de Aécio.

Genro no RS 

No Rio Grande do Sul, Tarso Genro aparece como a melhor opção do PT. Olívio Dutra declina da candidatura.

Rosalba e Iberê no RN

No Rio Grande do Norte, a senadora Rosalba Ciarlini (DEM) aparece, hoje, como a candidata mais forte. O vice-governador Iberê Ferreira articula para ser o candidato situacionista, apoiado pela governadora Vilma Faria.

Chávez fecha a oposição 

A cada dia, Hugo Chávez vai fechando as portas da oposição. Portos e aeroportos situados em regiões administrativas que são governadas por opositores passam ao controle do governo federal. E ainda há democratas que celebram a grandeza da democracia venezuelana.

Suíços  

Elias Canetti sobre esse povo : "Um estado cuja coesão nacional ninguém discute é a Suíça. O sentimento patriótico dos suíços é maior do que o de muitos povos que falam apenas um idioma".

Globalização nos trens 

A Globalização chegou aos trens urbanos de São Paulo : uma das empresas do setor apresentou recentemente um atestado de serviços prestados em subcontratação no Marrocos. O documento está escrito em Francês, em papel timbrado do Rio de Janeiro e - pasmem - registrado pelo CREA do Rio Grande do Sul. Esta é a faceta brasileira da globalização galopante.

CONTAG fora da CUT

Por que a CONTAG, com 22,4 milhões de trabalhadores, rompeu com a CUT ? Porque a CUT devora muita grana, dizem. Os sindicatos associados vão se repartir entre outras Centrais.

Pauta travada

A pauta da Câmara está travada por MPs. O trancamento irá até 15 de maio. O deputado Michel Temer encontrou a solução para descongestionar a pauta. O "Eureka" do Michel é uma interpretação jurídica sobre a esfera de abrangência das MPs. Só podem trancar as votações referentes a leis ordinárias. A interpretação sistêmica do presidente da Câmara, que recebe apoios de renomados juristas, deverá diminuir consideravelmente o peso das MPs nas votações. Esta semana, Michel Temer apresenta sua Proposta ao ministro Tarso Genro, ao advogado-geral da União, José Antonio Toffoli, ao procurador-geral da República, Antonio Fernando Souza, e ao presidente do STF, ministro Gilmar Mendes.

Espanhóis 

Elias Canetti sobre esse povo : "Assim como o inglês se vê como capitão, o espanhol se vê como matador. Mas em vez do mar que obedece ao capitão, o toureiro é dono da multidão que o admira. O animal, que ele deve abater segundo as nobres regras de sua arte, é o velho monstro traiçoeiro das lendas".

Poupança 

Lula quer mexer na velha Poupança. Que passou a ser o melhor dos investimentos, pelo menos, o mais seguro. Quem diria, hein ?

E Sarney, hein ?

O senador José Sarney é o mais litúrgico dos nossos políticos. Impregna-se do simbolismo do poder. Por isso, deve sofrer muito com a bateria de denúncias que atinge o Senado. Sarney esperava que o fardo de voltar a presidir a Câmara Alta não seria tão pesado.

Conselho aos membros do Ministério Público

Esta coluna dedica sua última nota a pequenos conselhos a políticos, governantes e líderes nacionais. Na edição passada, o espaço foi destinado aos membros da CPI dos Grampos. Hoje, volta sua atenção aos membros do Ministério Público :

1. Continuem a jornada para extirpar a criminalidade, limpar os entulhos e combater a corrupção.

2. Mas a caminhada cívica é incongruente com a espetacularização de alguns representantes do Ministério Público.

3. A limpeza institucional começa por uma boa lavada nas paredes de certos ambientes internos.

____________

Porandubas Políticas
Gaudêncio Torquato

Gaudêncio Torquato (gt@gtmarketing.com.br) é jornalista, consultor de marketing institucional e político, consultor de comunicação organizacional, doutor, livre-docente e professor titular da Universidade de São Paulo e diretor-presidente da GT Marketing e Comunicação.