Quarta-feira, 22 de maio de 2019

ISSN 1983-392X

2ª turma do STF aplica o princípio da insignificância para homem que interceptou walkman, mas quis devolver o objeto ao dono

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) aplicou o princípio da insignificância e concedeu Habeas Corpus (HC 91920) ajuizado pela Defensoria Pública da União em favor de Ebreu Borges contra decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que restabeleceu a condenação pelo crime de receptação de um walkman avaliado em R$ 94,00. O aparelho portátil foi comprado diretamente do autor do roubo por R$ 20,00. Por unanimidade de votos, a Turma trancou a ação penal.

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010


Arrependimento

2ª turma do STF aplica o princípio da insignificância para homem que interceptou walkman, mas quis devolver o objeto ao dono

A 2ª turma do STF aplicou o princípio da insignificância e concedeu HC 91920 (clique aqui) ajuizado pela Defensoria Pública da União em favor de Ebreu Borges contra decisão do STJ que restabeleceu a condenação pelo crime de receptação de um walkman avaliado em R$ 94,00. O aparelho portátil foi comprado diretamente do autor do roubo por R$ 20,00. Por unanimidade de votos, a turma trancou a ação penal.

Relator do HC, o ministro Joaquim Barbosa afirmou que a Corte vem firmando o entendimento de que a aplicação do princípio da insignificância depende da presença conjunta dos seguintes requisitos: mínima ofensividade da conduta do agente, ausência de periculosidade social da ação, reduzidíssimo grau de reprobabilidade do comportamento e inexpressividade da lesão jurídica provocada. Segundo o ministro, como os requisitos são "abertos", precisam ser definidos pelo julgador a cada caso concreto.

"Aqui, o paciente foi condenado pela receptação de um walkman. Ele foi à delegacia entregar o aparelho para que fosse devolvido ao dono. Tendo em vista estes fatos, considero que sua conduta é alcançada pelo princípio da insignificância, em razão da mínima ofensividade da conduta do agente, caracterizado pelo diminuto valor do objeto e sua devolução ao dono, o que configurou, em certa medida, uma reparação do dano", afirmou o ministro Joaquim Barbosa.

O relator acrescentou que, no caso concreto, há também ausência de periculosidade social da ação, uma vez que a repetição da conduta com as mesmas características não causaria ameaça ou dano à sociedade. Citando o jurista alemão Claus Roxin, Barbosa afirmou que, antes de aplicar a sanção de natureza penal, o julgador deve analisar alternativas não penais, como, por exemplo, a possibilidade de se aplicar uma indenização do Direito Civil para regular os prejuízos impostos às vítimas de pequenas lesões contra o patrimônio.
___________________

Leia mais

  • 12/1/10 - 5ª turma do STJ aplica o princípio da insignificância a furto de duas calotas de automóvel - clique aqui.

  • 23/12/09 - STJ não aplica princípio da insignificância em tentativa de furto no valor de R$ 30 - clique aqui.

  • 3/9/09 - Ministro do STF nega liminar a mulher que furtou por três vezes itens de pequeno valor - clique aqui.

  • 19/8/09 - 1ª turma do STF : princípio da insignificância se aplica ao crime de descaminho - clique aqui.

  • 23/7/09 - TJ/MS – Princípio da Bagatela é aplicado em caso de violência doméstica - clique aqui.

  • 14/7/09 - STJ aplica princípio da insignificância e absolve acusado de furtar uma pia - clique aqui.

  • 22/6/09 - STJ anula condenação de acusado de tentar furtar azeite, chocolate, bacalhau, cueca e sandália - clique aqui.

  • 14/6/09 - STJ não aplica princípio da insignificância em roubo de ducha de hidromassagem - clique aqui.

  • 26/5/09 - Celso de Mello aplica tese a uma tentativa de furto de cinco barras de chocolate num supermercado - clique aqui.

  • 25/5/09 - STF - Maus antecedentes afastam aplicação do princípio da insignificância - clique aqui.

  • 20/5/09 - 2ª Turma do STF concede habeas corpus para acusado de tentativa de furto de chocolates - clique aqui.

  • 13/5/09 - STJ - Furto de barras de alumínio no valor de R$ 150 reais não pode ser considerado insignificante - clique aqui.

  • 6/5/09 - STF - Uso de violência e danos financeiros à vítima impedem aplicação do princípio da insignificância - clique aqui.

  • 28/4/09 - STJ aplica princípio da insignificância e tranca ação contra acusado de furtar chocolate - clique aqui.

  • 23/3/09 - STF aplica princípio da insignificância a pedidos de HC - clique aqui.

  • 16/2/09 - STF suspende aplicação de pena por descaminho mediante aplicação do princípio da insignificância - clique aqui.

  • 17/1/09 - STJ não aplica princípio da insignificância a furto de celular- clique aqui.

  • 14/11/08 - STJ - Princípio da insignificância não se aplica aos atos de improbidade administrativa - clique aqui.

  • 20/9/08 - STJ rejeita princípio da insignificância em furto de peças de roupa - clique aqui.

  • 27/8/08 - 2ª Turma do STF aplica princípio da insignificância em crime de descaminho - clique aqui.

  • 28/7/08 - STJ não aplica princípio da insignificância a ladrão de bicicleta e de uísque - clique aqui.

  • 4/6/08 - Pode ou não pode ? - clique aqui.

  • 13/5/08 - STJ invalida condenação por furto de um estojo no valor de R$ 5 - clique aqui.

___________________

patrocínio

Bradesco VIVO
Advertisement

últimas quentes