Sexta-feira, 18 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

OAB/SP comemora hoje o Dia do Advogado

Para comemorar o Dia 11 de Agosto, nesta quarta-feira, data de instalação dos Cursos jurídicos no Brasil, quando se festeja o Dia do Advogado, a OAB/SP realizou uma Celebração Inter-Religiosa, no Mosteiro São Bento e programou uma série de eventos ao longo do mês, que começou no dia 3 e vai até o dia 28 de agosto, com palestras, Baile do Advogado, Corrida do Centro Histórico e outras promoções. Também lançou a Campanha de valorização profissional com o slogan "Um Advogado Não Pendura Seu Diploma. Expõe".

quarta-feira, 11 de agosto de 2010


11 de agosto

OAB/SP comemora hoje o Dia do Advogado

Para comemorar o Dia 11 de Agosto, nesta quarta-feira, data de instalação dos Cursos jurídicos no Brasil, quando se festeja o Dia do Advogado, a OAB/SP realizou uma Celebração Inter-Religiosa, no Mosteiro São Bento e programou uma série de eventos ao longo do mês, que começou no dia 3 e vai até o dia 28 de agosto, com palestras, Baile do Advogado, Corrida do Centro Histórico e outras promoções. Também lançou a Campanha de valorização profissional com o slogan "Um Advogado Não Pendura Seu Diploma. Expõe".

Recentemente, a OAB/SP registrou a inscrição do advogado de número 300 mil. "É um marco histórico, afinal nenhuma Seccional nesse pais chegou a essa marca. São 300 mil advogados que integram os quadros de inscritos da OAB/SP e isso acontece nesse momento promissor para advocacia, porque há uma ampliação de mercado para quem se prepara e estuda . Esse contingente não exaure esse mercado de trabalho, que está em expansão. Pelo contrário, ajuda a expandi-lo", diz D'Urso.

A OAB/SP também tem preocupações com a inserção digital do advogado, uma vez que apenas 6% deles têm certificação eletrônica e o processo eletrônico será em breve uma realidade. A formação do bacharel em Direito, que vem decaindo de qualidade, e a capacitação técnica dos advogados são outras preocupações da Ordem.

Para o presidente da OAB/SP, as prerrogativas profissionais continuam a ser prioridade da classe. "As prerrogativas constituem um conjunto de direitos, previstos em lei, para que o advogado possa exercer com independência e plenamente o direito de defesa. Há cinco anos atrás lutamos contra a invasão de escritórios para que não se buscasse no arquivo do advogado provas contras os clientes. Hoje, lutamos contra escutas de conversas entre advogados e clientes, o que constitui uma ilegalidade porque avança sobre o direito defesa do cidadão. Essa conversa é protegida pelo sigilo profissional. É como se colocássemos uma escuta no confessionário", diz D’Urso.

_____________

_____________

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes