Domingo, 22 de setembro de 2019

ISSN 1983-392X

TJ/PE - Judiciário consegue novo imóvel para fórum de Camaragibe

Os problemas da comarca de Camaragibe com espaço físico estão com os dias contados. Até o dia 10/01, todo o acervo processual das quatro varas será transferido, juntamente com a mobília e maquinário, para o prédio do Seminário Cristo Rei, localizado na Rua Belmiro Correia, 144. O contrato de locação foi assinado na última quinta-feira, 23, pelo presidente do TJ/PE, desembargador José Fernandes, e pelo administrador patrimonial da congregação dos Sacerdotes do Sagrado Coração de Jesus, Pe. Miguel Batista.

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010


Endereço novo

TJ/PE - Judiciário consegue novo imóvel para fórum de Camaragibe

Os problemas da comarca de Camaragibe com espaço físico estão com os dias contados. Até o dia 10/1, todo o acervo processual das quatro varas será transferido, juntamente com a mobília e maquinário, para o prédio do Seminário Cristo Rei, localizado na rua Belmiro Correia, 144. O contrato de locação foi assinado na última quinta-feira, 23, pelo presidente do TJ/PE, desembargador José Fernandes, e pelo administrador patrimonial da congregação dos Sacerdotes do Sagrado Coração de Jesus, Pe. Miguel Batista.

Segundo o diretor do foro de Camaragibe, juiz Júlio Cezar Santos da Silva, as atividades na comarca voltarão à total normalidade a partir do dia 15/1. Para que isso seja possível, a Diretoria de Infra-estrutura (Diriest) do poder judiciário Estadual terá seu recesso suspenso. "A primeira providência será adaptar o sistema de cabeamento para receber os equipamentos de informática. Em seguida, realizaremos o transporte do maquinário e todo o acervo processual. Até o próximo dia 10 tudo estará concluído", garantiu o diretor de infra-estrutura Hênio Domingos Santos.

No final de junho de 2010, a Defesa Civil interditou o prédio que atualmente abriga o Fórum Desembargador Agenor Ferreira de Lima, após os servidores ouvirem estalos na estrutura do edifício. Nesses quase seis meses, a comarca de Camaragibe vem atendendo ao público parcialmente, limitando-se aos casos de urgência. Enquanto o TJ/PE buscava um novo imóvel para locar, os magistrados e servidores do judiciário davam plantões alternados na sede do MPE.

Segundo o juiz Júlio Cezar, há uma demanda reprimida de 320 novos processos por mês. Para atualizar o trabalho com a maior brevidade possível, a presidência do TJ/PE pretende instituir um regime especial de trabalho durante alguns meses naquela comarca.

________________
_________

Fonte : TJ/PE

_________
________________

patrocínio

Bradesco VIVO

últimas quentes