Segunda-feira, 19 de agosto de 2019

ISSN 1983-392X

Morre presidente do TJ/SP - desembargador Viana Santos

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011


Perda

Falece, aos 68 anos, Antônio Carlos Viana Santos, presidente do TJ/SP

Faleceu em SP, nessa madrugada, o presidente do TJ/SP, Antônio Carlos Viana Santos.

O velório será realizado no Salão dos Passos Perdidos, no Palácio da Justiça (Praça da Sé, s/nº) das 17h às 23h de hoje, e das 6h às 9h de amanhã, de onde sai para o cemitério Gethsêmani.

Viana Santos assumiu a presidência do Tribunal em janeiro do ano passado para o biênio 2010/2011.

Nascido em Sorocaba/SP, em 21 de setembro de 1942, o desembargador, pertencente à turma de 1965 da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, ingressou na magistratura em 1968.

Logo que se formou, foi procurador da prefeitura de Osasco, lá, viria a ser o fundador e presidente da primeira associação dos funcionários públicos do município.

Em 1983, foi promovido a juiz do extinto Tribunal de Alçada Criminal. Passou a exercer o cargo de desembargador no ano de 1988 pelo critério de antiguidade, tomando posse em dezembro do mesmo ano.

Presidiu a Apamagis por dois biênios (1996-1997) e (1998-1999). Depois comandou a Associação dos Magistrados Brasileiros, de 2000 a 2001. Foi o fundador e o primeiro presidente da Academia Paulista de Magistrados.

Atuou como professor, principalmente, em Direito Civil, mas estava aposentado desta função, após 44 anos de magistério.

Trabalhou como juiz nas comarcas de São Luiz do Paraitinga, Oswaldo Cruz, Presidente Prudente, Taubaté e São Paulo.

  • TJ/SP decreta luto oficial e suspensão do expediente no dia de hoje

Em razão do falecimento de Viana Santos, foi decretado luto oficial por três dias e a suspensão do expediente no dia de hoje a partir das 13h em todas as unidades judiciárias do Estado (clique aqui).

____________

  • Confira abaixo as missivas de pesar pelo falecimento de Viana Santos:

"Com o passamento do Presidente Viana Santos, a comunidade jurídica perde jurista dedicado, cuja preocupação constante com a Justiça é de ser imitada."

João Grandino Rodas, reitor da Universidade de São Paulo e presidente do CEDES - Centro de Estudos de Direito Econômico e Social

"O Judiciário nacional perdeu um de seus expoentes. Um Desembargador afeto as causas sociais e um grande líder dos magistrados e servidores da Justiça."

Patrícia Rios Salles de Oliveira, sócia do escritório Leite, Tosto e Barros - Advogados Associados

"Trata-se de um magistrado com as características que a modernidade exige. Compreendeu bem as vicissitudes do Judiciário e as enfrentava com dignidade, ciente de que compunha um colegiado. Atuou como juiz sem perder o contato com as instituições de representação coletiva dos magistrados. Integrou seus órgãos de representação, tendo presidido tanto a Apamagis quanto a AMB. Há 23 anos desembargador do TJ, foi, antes disso, magistrado no TACRIM. Professor respeitado, homem sério e probo, mantinha com a advocacia uma excelente interlocução, assim como com a sociedade. Deixa a vida muito cedo. Fará falta."

Luís Carlos Moro, sócio do Moro e Scalamandré Advocacia

"A Justiça brasileira perde um ilustre expoente, um desembargador extremamente digno da distinta posição que ocupava no mundo jurídico. Seus votos sempre repercutiram imparcialidade, equilíbrio e erudição, características essas que se refletiram na liderança e na boa interlocução exercida à frente da Presidência do Tribunal de Justiça de São Paulo. É uma pesarosa perda!"

David Rechulski, sócio do Rechulski Advogados

"O Desembargador Viana Santos, durante toda a sua trajetória, demonstrou ser um magistrado na verdadeira acepção da palavra: sereno, justo e humano com as partes. A sua ausência será uma grande perda para todos os operadores do direito."

José Luis Oliveira Lima, sócio do Oliveira Lima, Hungria, Dall’Aqua & Furrier Advogados

"O Movimento de Defesa da Advocacia - MDA vem, pela presente, manifestar profundo pesar com a notícia do falecimento do Presidente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, Desembargador Antônio Carlos Viana Santos, registrando, nesta mesma oportunidade, os relevantes serviços prestados à comunidade jurídica pelo Culto Desembargador, e apresentando solidariedade à família de S.Exa. em momento tão difícil."

Movimento de Defesa da Advocacia - MDA

"A Associação Atlética Acadêmica XI de Agosto vem manifestar seu profundo sentimento pelo falecimento do Ilustre Desembargador Antônio Carlos Viana Santos, presidente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo e quem, em 1964, nos deu a honra de presidir a Gloriosa."

Associação Atlética Acadêmica XI de Agosto

"A FADESP – Federação das Associações dos Advogados de São Paulo, por seu Presidente, Raimundo Hermes Barbosa, lamenta com profundo pesar o passamento do ínclito Presidente do Egrégio Tribunal de Justiça de São Paulo, Desembargador Antonio Carlos Viana Santos, juiz justo, homem digno, filho amoroso e pai dedicado, sem dúvidas deixa uma grande lacuna no meio jurídico de São Paulo e do País. A FADESP se solidariza com todos os seus familiares e amigos."

Raimundo Hermes Barbosa - Presidente da Fadesp

____________

  • Confira abaixo fotos da posse como presidente do TJ/SP:

  • Confira abaixo fotos de quando Viana Santos assumiu o governo de São Paulo:


Presidente Viana Santos chega à Assembleia acompanhado de sua esposa Maria Luiza


Desembargador lê o compromisso de posse


1º vice-presidente da Assembleia conduziu a cerimônia


Presidente assina o termo de posse


Luiz Antônio Marrey, Armando Toledo, Viana Santos e Ricardo Dias Leme

______________
___________

Leia mais

  • 5/1/10 - TJ/SP tem novo presidente - clique aqui.
  • 2/12/09 - Antonio Carlos Viana Santos é o novo presidente do TJ/SP - clique aqui.

_______________

informativo de hoje

patrocínio

VIVO

últimas quentes