Quinta-feira, 21 de novembro de 2019

ISSN 1983-392X

Advogados ganham financiamento do cartão BNDES

A empresa filiou-se a um programa do BNDES

quinta-feira, 21 de julho de 2005

 

Advogados ganham financiamento do cartão BNDES

A empresa filiou-se a um programa do BNDES, passando a oferecer parcelamento das transações de venda do ERP jurídico SISJURI, o que deve, além de aumentar as vendas em 20% ou mais, permitir que advocacias menores consigam adquirir o sistema.

A BCS Informática e Associados, especializada em soluções para escritórios de advocacia, acaba de filiar-se ao cartão BNDES, garantindo para seus clientes mais uma forma de parcelamento na compra do ERP jurídico SISJURI – Sistema Jurídico Integrado. O acordo com o Cartão BNDES permite o fracionamento do custo da solução em 12, 18, 24 ou 36 parcelas, a uma taxa de juros baixa: 1,39% ao mês, em julho. Trata-se de um cartão de crédito, nas bandeiras Visa e Mastercard, que provê uma linha de financiamento pré-aprovada para que as advocacias possam investir na tecnologia, até o limite de R$ 100 mil.

De acordo com Gilda Machado, diretora da BCS, o parcelamento, com obtenção de crédito simplificada e pouca burocracia, vai permitir que advocacias menores possam adquirir o SISJURI, uma das mais avançadas soluções para gestão de bancas de direito. “Neste sentido, dilui o custo e o desembolso inicial, que sempre foram entraves para que escritórios de pequeno e médio porte comprassem a solução. Por isto, nossa expectativa é aumentar as vendas em 20%”, avalia.

Além disso, a parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, por meio do Cartão BNDES, vai de encontro à estratégia da empresa de ampliar suas vendas para os escritórios menores. “Lançamos no primeiro semestre de 2005, o BCSFlex, um serviço de locação de infra-estrutura e softwares que evita justamente os pesados investimentos iniciais, já que a advocacia paga apenas um aluguel pelo uso do equipamento e dos softwares, podendo ampliar ou reduzir na hora que quiser”, explica.

As empresas . Depois, é necessário fazer o credenciamento, que se inicia com um cadastro no Portal de Operações www.cartaobndes.gov.br. No momento, somente os portadores dos cartões BNDES emitidos pelo Banco do Brasil e pelo Bradesco estão habilitados a realizar compras em 36 parcelas.

Com o cartão, o BNDES oferece para as micro, pequenas e médias empresas uma alternativa ágil e segura e acesso aos seus recursos financeiros, no sentido de apoiar a realização de investimentos. As prestações são fixas e iguais e a taxa de juros é divulgada mensalmente no Portal de Operações. Segundo a instituição, houve uma grande adesão à modalidade no mercado. Para se ter uma idéia, em apenas dois anos de existência, 32 mil pequenas empresas já obtiveram o cartão, comprando por meio do Portal de Operações. E, do total de cartões emitidos até agora, 80% foram para microempresas, 18% para pequenas empresas e 2% para as médias. O balanço é de mais de R$ 480 milhões em créditos distribuídos, mais de 1.110 fornecedores credenciados e 13.350 produtos ofertados.

O BNDES disponibilizou ainda dois canais de atendimento: uma central de atendimento (21 – 21727200), e via Internet, na função Fale Conosco, no Portal de Operações do BNDES – clique aqui.

________

 

________

informativo de hoje

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes