Segunda-feira, 22 de julho de 2019

ISSN 1983-392X

Moção de solidariedade ao Dr. Valed Perry

IBDD repudia a decisão do STJD

segunda-feira, 12 de maio de 2003

Moção de solidariedade ao Dr. Valed Perry

O Instituto Brasileiro de Direito Desportivo - IBDD, por decisão uníssona e maciça de todos os seus órgãos diretivos e associados, vem hipotecar irrestrita e pública solidariedade ao seu eminente e inatacável Conselheiro Dr. VALED PERRY, em face da esdrúxula e teratológica decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva da CBF, punindo-o com suspensão de 120 dias.

O abominável decisório do STJD é, flagrantemente, írrito, nulo e de nenhum efeito jurídico-desportivo, dado que o processo gerador da punição, iniciado o ano passado, atropelou e desrespeitou o prazo de 60 dias fixado no art. 217, § 2º da Constituição Federal.

Mais do que atingir pessoalmente o Dr. VALED PERRY, fere-se e vilipendia-se a própria história da Justiça Desportiva brasileira que com ele se confunde. De fato, o Dr. VALED PERRY é uma das poucas pessoas de quem, entre nós, se pode dizer que formou a atraiu uma geração de seguidores e admiradores, pois, sempre consorciou à profundidade de seu saber jurídico-desportivo com a generosa disposição de incentivar os jovens de vocação para a Justiça Desportiva e de orientar a tantos quantos passaram a atuar na área do Direito Desportivo.

Competente, responsável, talentoso, idealista, desambicioso, humilde e criativo, cuja inteligência modelou-se ao influxo de uma invulgar beleza moral, o Dr. VALED PERRY sempre mereceu o respeito, a admiração e a estima da quase unanimidade dos que atuam na área do Direito Desportivo. Porém, como nunca foi uma testemunha silenciosa e conivente com os erros, distorções e contradições da Justiça Desportiva, porque sempre esteve entre aqueles que não capitulam, não se mascaram e não se degradam, tornou-se alvo desta retaliação pessoal, que o julgaram, emocionalmente, sob o domínio do ódio, da frustração e da inveja pelos êxitos profissionais e reconhecimento nacional alcançados pelo Dr. VALED PERRY.

Por tudo isso, o IBDD, com revolta e indignação, e, fazendo uso de sua independência e altivez, repudia a malsinada decisão do STJD, relembrando ao Dr. VALED PERRY a célebre frase de Tayllerand:

"É mais que uma infâmia, é triste."

Instituto Brasileiro de Direito Desportivo

______________

patrocínio

VIVO

últimas quentes