Segunda-feira, 14 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

O ômega da história

terça-feira, 18 de agosto de 2015

Tudo começou no fatídico dia sete de março de 2003, quando publicamos na edição 631 do informativo Migalhas a lamentável nota:

(...)

Até tu !

O Ômega blindado do ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, foi roubado ontem, por volta das 12h, na região do Brooklin, Zona Sul de SP. O motorista aguardava a mulher do ministro, que fazia tratamento em uma clínica do bairro, quando foi abordado por um bandido armado, que fugiu com o carro.

(...)

Segundo as informações apuradas na época, o motorista Manoel Mineiro de Sousa, de 67 anos, aguardava Leonor Bastos, esposa do ministro, com o vidro aberto, em frente do número 297 da rua Ribeiro do Vale, no Brooklin, zona sul de SP. O ladrão foi descrito pelo motorista como um homem branco, cabelos castanhos, de boné, aparentando 22 anos e armado com uma pistola. Imediatamente, diversas unidades policiais foram acionadas. Policiais do Departamento de Investigação sobre o Crime Organizado (Deic) percorreram vários desmanches em busca do carro do ministro. A Polícia Federal, segundo o delegado Gilberto Tadeu, foi acionada também para dar apoio às investigações.

Mas nada foi encontrado.

E a notícia foi o ponto de partida para uma inquietante pergunta que tão cedo não seria esclarecida: Cadê o Ômega?. O questionamento partia dos leitores, do nosso Amado Diretor, dos funcionários desta suntuosa casa e de toda a população brasileira. Criamos até mesmo o DTM (Departamento de Transportes Migalheiro), capitaneado pelo Sr. Rodante, homem experiente e dedicado. Ele foi um dos poucos que na época viu na carta abaixo um fio de esperança (ou seria uma roda !?!).

(...)

"Não agüento mais de saudades do Brasil. Estivesse aí, haveria de me ver transitando garboso pelo asfalto brasiliense. Estivesse aí, de bom grado até levaria "Michelle" para umas voltinhas ao Torto. Estivesse aí, não haveria de perder um discurso do "Mão-Santa" no Senado, uma das melhores atrações hoje em dia no planalto central. Mas, ah!, pobre de mim, obrigado agora aos solavancos das esburacadas ruas daqui, a carregar uma desconhecida gente que se amontoa nos meus bancos, e a ouvir guarani o tempo todo, sem entender patavina. Socorro! Conto com a sabida influência da alta direção de Migalhas no ministério da Justiça para minha ansiada repatriação". Chevrolet-Ômega do ministro Thomaz Bastos, Assuncion, por e-mail (3/7/2003 - Migalhas 711)

(...)

Estaria ele a salvo? Nenhuma pista parecia ser substanciosa o bastante para nos levar a seu paradeiro. Então, como bons companheiros, pedimos a celebração de uma missa no aniversário de seu desaparecimento. A informação foi divulgada no Migalhas 877, de 8/3/2004.

(...)

Missa (1° aniversário)

Mandada celebrar por nosso amantíssimo Diretor, líder inconteste da imprensa brasileira sadia, e severo fiscal da eficiência dos serviços públicos, foi realizada sábado, dia 6, na Catedral da Sé, em SP, a missa pelo primeiro aniversário do desaparecimento do pranteado Ômega blindado do ministro da Justiça.

(...)

Encerramos 2004 e pisamos firmes em 2005 com as esperanças renovadas. Foi custoso. Algumas pequenas expedições frustradas, pistas erradas, telefonemas anônimos e nada de encontrar o Ômega.

Enfim, hoje, como já
souberam os leitores, a expedição migalheira que partiu no findar do ano passado atingiu seu objetivo.

Logo após tê-lo encontrado, nosso Amado Diretor ordenou que imediatamente fosse feita a devolução a seu legítimo dono.

  • Veja abaixo como foi. Atenção! São imagens fortes!

Confira abaixo as fotos da auspiciosa devolução.




informativo de hoje

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes