Terça-feira, 20 de agosto de 2019

ISSN 1983-392X

Inquérito

Ministro Barroso nega revogar prisões dos amigos de Temer

Entre os presos na operação Skala estão o empresário e advogado José Yunes, amigo e ex-assessor do presidente, o ex-ministro da Agricultura Wagner Rossi e o coronel Lima.

sexta-feira, 30 de março de 2018

O ministro Luís Roberto Barroso, do STF, decidiu nesta sexta-feira santa, 30, que as prisões da operação Skala serão reavaliadas após os depoimentos.

Na operação deflagrada pela PF nesta quinta-feira, 29, fechou o cerco em relação a pessoas próximas ao presidente Temer. As prisões foram efetuadas no âmbito do inquérito que apura a edição do decreto 9.048/17, chamado de decreto dos portos.

O decreto aumentou o prazo dos contratos de concessão de áreas portuárias de 25 anos para 35 anos, podendo ser prorrogado até 70 anos, beneficiando as atuais empresas concessionárias.

Na decisão de hoje, o ministro também informa a defesa que, concluídas as diligências sigilosas, os autos estarão à disposição.

leia mais

informativo de hoje

patrocínio

Bradesco VIVO
Advertisement

últimas quentes