Quarta-feira, 19 de junho de 2019

ISSN 1983-392X

Acordo com MP garante que autódromo de Interlagos obedeça ao Estatuto do Torcedor

segunda-feira, 30 de outubro de 2006


Termo de Ajustamento de Conduta

 

Acordo com MP garante que autódromo de Interlagos obedeça ao Estatuto do Torcedor

A Promotoria de Justiça do Consumidor da Capital concluiu no dia 16/10 a assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta para que o autódromo de Interlagos respeite o Estatuto do Torcedor.

Segundo investigações do MP, o autódromo não disponibilizava assentos numerados para os torcedores, apreciadores ou fãs dos eventos de automobilismo ou de motovelocidade. “O termo de compromisso celebrado obriga a numeração dos assentos e dos correspondentes ingressos a serem vendidos, de modo a garantir específicos lugares, buscando, com isso, evitar transtornos e dificuldades, como, filas ou a necessidade de se chegar com tanta antecedência aos eventos”, afirma o Promotor de Justiça Ruymar de Lima Nucci.

O acordo prevê ainda a rescisão dos contratos com qualquer empresa que, a partir de agora, venha a utilizar o espaço público e deixe de numerar os ingressos. “O GP Brasil de Fórmula 1 de 2007 já está obrigado a cumprir esse termo de compromisso”, destaca o Promotor de Justiça.

O Termo é assinado pela Prefeitura Municipal de São Paulo, São Paulo Turismo e Interpro (organizadora do GP de Fórmula 1).

A pena pelo descumprimento do acordo é de R$ 3 milhões.

___________

patrocínio

VIVO

últimas quentes