Segunda-feira, 14 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

Advogado trabalhista tem 2 carros incendiados em MT

x

terça-feira, 31 de outubro de 2006

 

Atentado

 

Advogado trabalhista tem 2 carros incendiados em MT

 

O advogado da área cível Eduardo Guimarães, de 52 anos, teve seus dois veículos incendiados ontem de madrugada em sua casa, localizada na rua 4 do bairro Boa Esperança, em Cuiabá/MT.

 

O fogo se alastrou pela garagem e atingiu o portal de madeira. Caso não fosse a ajuda dos vizinhos, a tragédia poderia ser maior. Uma picape Hilux e um Pólo, ambos pretos, foram consumidos pelas chamas. Para o advogado, foi um atentado não contra o patrimônio, mas contra a vida, pois segundo ele, a casa não tem saída pelos fundos. Ele dormia na casa com três filhos e acordou com o barulho dos vizinhos avisando do fogo.

“Ninguém queria queimar exatamente os carros. Foi um atentado contra a vida. Quem incendiou os veículos queria atingir, na verdade, as pessoas que estavam na casa”, disse o advogado, ontem de manhã, enquanto aguardava o trabalho dos peritos do Instituto de Criminalística fazer o trabalho de perícia no local.

Eduardo relatou que a casa não tem saída pelos fundos e, com o fogo na entrada, ficaria impossível de sair. Acrescentou que com a ajuda de vizinhos, conseguiu uma escada e escalou o muro. “Pensei primeiro em escalar o muro para salvar as crianças, mas com a ajuda dos vizinhos, conseguimos sair”.

Ele informou que uma comissão da OAB vai acompanhar as investigações. Conhecido advogado da área cível, atuando em causas trabalhistas, uma das suspeitas recai sobre um ex-funcionário que entrou com uma ação trabalhista contra ele, mas perdeu a causa. A partir daí, começou a ameaçá-lo.

Eduardo, no entanto, tem dúvidas. “Por enquanto não vamos citar nomes ou suspeitos. Vamos evitar qualquer especulação. Temos a polícia e a OAB investigando o caso”, completou.

Conforme o advogado, ele dormia em sua casa com três filhos no momento do incêndio. Um vizinho disse ter ouvido um barulho de vidro quebrando sugerindo que se tratasse de um coquetel molotov. O advogado, no entanto, acha que o barulho tenha sido de algum objeto destruindo o vidro do carro.

O incêndio está sendo investigado pela Delegacia do Complexo do Planalto. O delegado Siderlei Nascimento colocou uma equipe para investigar o caso.

________________

informativo de hoje

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes