Terça-feira, 23 de abril de 2019

ISSN 1983-392X

Juízes interessados em compor CNJ poderão se inscrever pela internet

X

quarta-feira, 28 de março de 2007


Facilidade

Juízes interessados em compor CNJ poderão se inscrever pela internet

Juízes trabalhistas de primeira instância e também do TRT interessados em compor o CNJ, na qualidade de representantes da Justiça do Trabalho, poderão manifestar expressamente sua disposição a partir desta quinta-feira (29) pela internet.

Cabe ao TST indicar um juiz de primeira instância e um juiz de TRT, além de um ministro da Casa, para compor o CNJ. Como em junho haverá a renovação na composição do Conselho Nacional de Justiça, o Pleno do TST autorizou o ministro presidente, Rider de Brito, a proceder a consulta. O nome do ministro do TST que integrará o CNJ deverá ser anunciado na sessão do Pleno do dia 19 de abril.

O presidente do TST enviou ofícios a todos os dirigentes de TRTs e de associações regionais de juízes (Amatras) com informações sobre o endereço eletrônico, usuário e senha desenvolvidos especialmente para este fim pela Secretaria de Processamento de Dados (Seprod) do Tribunal. As inscrições poderão ser feitas a partir de 0h desta quinta-feira (29), e serão encerradas no dia 16 de abril, às 23h59 (horários de Brasília).

Desde a instalação do CNJ, a Justiça do Trabalho é representada no órgão, criado pela reforma do Judiciário, pelo ministro do TST Vantuil Abdala, pelo juiz Douglas Alencar Rodrigues (do Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região- Distrito Federal e Tocantins) e pelo juiz de primeiro grau, Paulo Luiz Schmidt, do Rio Grande do Sul.

_________________

patrocínio

Bradesco VIVO

últimas quentes