Terça-feira, 19 de março de 2019

ISSN 1983-392X

OAB divulga nota sobre a reportagem do NYT

Tom é de estranheza

terça-feira, 11 de maio de 2004

OAB divulga nota sobre a reportagem do NYT

Em tom de estranheza, a OAB se manifestou sobre a matéria veiculada neste final de semana pelo jornal The New York Times acusando o presidente Lula de consumo exagerado de bebidas alcoóolicas. (Clique aqui para ver a reportagem do NYT).

Leia a nota na íntegra:

"O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil estranha os termos da reportagem do jornal The New York Times, de domingo passado, que acusa o Presidente Luís Inácio Lula da Silva de consumidor compulsivo de bebida alcoólica, ao ponto de comprometer a própria governabilidade do país. A reportagem, exagerada e depreciativa, descumpre normas técnicas elementares de jornalismo, não ouvindo as partes envolvidas e não fornecendo aos leitores dados objetivos a respeito do que afirma.

Em se tratando de um dos jornais mais influentes do mundo - e por isso mesmo comprometido com o rigor nas informações que veicula -, surpreende que aja assim, fazendo afirmações tão graves de maneira tão leviana, expondo de maneira caricatural a Presidência da República, instituição vital à governabilidade.

Não é esse o perfil clássico do jornal, que o levou ao patamar de credibilidade que hoje ocupa dentro e fora de seu país.

No momento em que a política externa brasileira contraria interesses hegemônicos, a reportagem parece refletir mais esses interesses contrariados que a dimensão efetiva dos fatos. Daí nosso estranhamento".

_________________

patrocínio

Bradesco

últimas quentes