Quinta-feira, 23 de maio de 2019

ISSN 1983-392X

Resultado do Sorteio de obra "A Orquestra das Cigarras"

quarta-feira, 21 de novembro de 2007


Sorteio de obra

Migalhas tem a honra de sortear a obra "Orquestra das Cigarras" (Editora Thesaurus- 237 p.), escrita e gentilmente oferecido pelo advogado, escritor e juiz arbitral, Leon Szklarowsky.

Sobre a obra :

"Escrever é uma arte e uma necessidade. Faz parte do dia a dia do escritor e do poeta. Escrevi, certa vez: ninguém é vazio o bastante que não tenho o que dizer, e todo ser humano tem dentro de si algo significativo para transmitir, e traz a energia celestial, mas poucos a utilizam, ou sabem utiliza-la.

Não é fácil escrever um livro, todavia, desde o momento em que o ser humano nasce, e começa a proferir as primeiras palavras, ainda enrolando a língua, e engatinhando no pensamento, sente ele a vontade incontida de conhecer o mundo do que o envolve, graças a curiosidade inata. Tem ele a necessidade de externar os pensamentos, por meio da linguagem, da música e da criação. Não poupa esforços Busca continuamente a íntima relação e o entrelaçamento com a natureza, com o espírito e com os cosmos.

O espírito começa a divagar, desgarrando-se do corpo, e inicia a caminhada fascinante. Envolvo de desafios, ingressa no mundo fantástico do sonho.

Concebi o projeto de colecionar as crônicas, os diálogos e algumas histórias, e também as experiências pessoais e da área judiciária, onde atuo por largo tempo. Escritos ao longo de muitos anos, projetam instantes fugazes de cotidiano, angustias, desilusões, desejos, aspirações e, sem duvida, a esperança e a certeza de que o homem não está só no universo, e também que, ao primeiro sinal do seu pleno aperfeiçoamento espiritual, encontrará a tão esperada resposta, ao mistério que o envolve.

Os estudiosos dos Livros Sagrados não vêem antinomia entre a ciência, a religião e a crença de que o surgimento do Universo data de milhões de anos, recuando há mais de quinze trilhões, até o Big Bang, contando o tempo em anos divinos, não simplesmente em anos terrestres.

A construção de uma n ova pessoa em um mundo novo, a convivência humana, neste momento de extrema crise por que passa o homem, constitui o imperativo maior, superando as dificuldades que o cercam, mercê das grandes conquistas do plano cientifico e material, sem embargo da distancia que o separa do ideal, do justo, da era de ouro espiritual.

É preciso superar o mundo da violência, vilania, miséria, desigualdades, guerras, maldade, desagregação de valores, subversão, desapontamento, infernal desprezo pelo semelhante, quando, para muitos, a vida nada vale, como se fosse um produto descartável, o que constitui desrespeito ao Creador e menosprezo ao bem maior, que é o espírito.

Se todos se puserem a pensar sobre os momentos que vivem, e o que tem feito e o que devem fazer, para o bem da comunidade, concluirão que a vida – passagem efêmera por este planeta – tem um significado maior.", algumas palavras do autor.

Sobre o autor :

É natural de São Paulo e reside em Brasília, há três décadas. Formado em Direito pela Universidade de São Paulo, fez os cursos de Mestrado, Especialização em Direito do Estado, Metodologia do Ensino Superior e Finanças Públicas; este no instituto do Fundo Monetário Internacional (USA). É doutor honoris causa pela Faculdade Marcelo Tupinambá, São Paulo.

Entre os seus títulos e atividades, destacam-se os de Professore de Direito Tributário e Administrativo, subprocurador – geral da Fazenda Nacional aposentado, ex-procurador do estado de São Paulo, advogado, jornalista, escritor, juiz de paz, juiz arbitral da American Arbitration Association e Presidente do Conselho de Ética e Gestão do Superior Tribunal de Justiça Arbitral do Brasil, em São Paulo. É acadêmico e diretor-tesoureiro do Instituto Histórico e Geográfico do Distrito Federal, da Academia maçônica de Letras do Distrito federal (ex-presidente), fundador da Academia Brasileira de Direito Tributário e vice-presidente da Academia de Letras e Música do Brasil.

È membro da Associação Nacional de Escritores, da Academia Paulista de Direito (fundador), do Instituto Nacional de Direito Público (sócio benemérito), do Sindicato de Escritores do Distrito Federal, do Instituto dos Advogados de São Paulo e do Instituto dos Advogados do Distrito Federal, da Ordem Militar e Hospitalar de São Lázaro de Jerusalém – delegado no Distrito Federal, do Clube dos Pioneiros de Brasília e vice-presidente do Instituto Jurídico Consulex.

Entre suas obras jurídicas, contam-se Responsabilidade Tributária, Execução Fiscal, Medidas Provisórias (esgotadas) e Medidas Provisórias - Instrumento de Governabilidade.

Entre suas obras literárias distingue-se Hebreus – História de um povo, indicado para o Premio Jabuti como o melhor livro na categoria infanto-juvenil.

______________

 Resultado :

  • Luciano Marins Minharro, advogado em Botucatu/SP

_____________

patrocínio

Bradesco VIVO
Advertisement

últimas quentes