Terça-feira, 23 de julho de 2019

ISSN 1983-392X

Vaias

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi ao Palácio

terça-feira, 22 de junho de 2004

Vaias

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi ao Palácio Guanabara para uma última homenagem ao ex-governador Leonel Brizola. O Presidente chegou às 13h30 e deixou o local apenas dois minutos depois. Um grupo de aproximadamente 400 "brizolistas" que está no Salão Nobre, onde o corpo é velado, recebeu Lula e o Secretário de Segurança Pública do Rio, Anthony Garotinho, com gritos de “traidor, traidor, traidor”.

Em seguida, os manifestantes entoaram cantos saudando Brizola e o PDT (Partido Democrático Brasileiro), estendendo os gritos de traição também ao Partido dos Trabalhadores (PT). O Presidente Lula, chegou acompanhado dos ministros, Antônio Palocci, da Fazenda, José Dirceu, do Gabinete Civil, Dilma Rousseff, de Minas e Energia e Eduardo Campos, da Ciência e Tecnologia, interrompendo por instantes, a sua viagem a Nova York.

Brizola e Lula foram adversários e, também, aliados. Na campanha presidencial de 1989, Lula recebeu apoio de Brizola contra Fernando Collor no segundo turno, assim como em 2002, contra José Serra. Em 1998, os dois foram companheiros de chapa contra Fernando Henrique Cardoso: Lula como candidato a presidente e Brizola a vice.

__________________..

informativo de hoje

patrocínio

VIVO

últimas quentes