Domingo, 19 de maio de 2019

ISSN 1983-392X

Deputado e advogados contribuintes do Ipesp são recebidos pelo presidente do SPPrev

X

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008


IPESP

Deputado e advogados con­tribuintes do Ipesp são recebidos pelo presidente do SPPrev

O deputado Carlos Giannazi - PSOL foi recebido sexta-feira, 15/2, pelo presidente do SPPrev, Carlos Flory, em audiência na sede do instituto. Giannazi levou o grupo de advogados contribuintes da Carteira dos Advogados do Ipesp, tendo à frente Maurício Canto, para conversar sobre a situação real da carteira, atualmente vinculada ao IPESP.

Entre outros questionamentos o grupo quis saber a respeito do futuro da carteira, sobre a responsabilidade subsidiária do Estado, a situação do passivo atuarial e sobre outras questões de funcionamento da carteira e do conselho gestor. Este encontro foi solicitado pelo parlamentar a pedido do próprio grupo, e faz parte do cronograma de lutas e ações dos advogados na defesa de seus direitos.

O caminho, a partir de agora, a ser tomado nesta luta - decidido em assembléia do grupo -, passa por reunião de avaliação e indicação dos próximos passos, já marcada para o dia 1/3, às 11h, no Auditório Teotônio Vilela, e organização de uma audiência pública sobre o tema, agendada para o dia 3/4, às 19h, no Auditório Franco Montoro.

Para esta audiência pública serão convidados o presidente do SPPrev, um representante da Secretaria da Fazenda do Estado e os membros do Conselho Gestor da Carteira Previdenciária dos Advogados (o presidente do Conselho e os representantes do IASP, da AASP e da OAB/SP). Como já noticiado, além da proposta inicialmente defendida pelo deputado da criação da Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos dos Advogados Contribuintes do Ipesp, ele estuda a possibilidade de propor uma CPI para investigar o caso.

Embora neste encontro no Ipesp algumas respostas tenham sido dadas aos questionamentos dos advogados, o problema pode estar longe de ter uma solução que satisfaça os contribuintes; alguns deles, depois de contribuírem por mais de 30 anos, aguardam ansiosos o direito certo de aposentadoria que lhes foi prometido pelo Ipesp, com a garantia do Estado de São Paulo.

________________________

patrocínio

Bradesco VIVO
Advertisement

últimas quentes