Quinta-feira, 17 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

Vigilantes podem entrar em greve

quinta-feira, 29 de maio de 2008


Dissídio coletivo

Vigilantes podem entrar em greve

O escritório Cerdeira e Associados ajuizou dissídio coletivo no TRT da 2ª região - São Paulo defendendo a Categoria Profissional dos Vigilantes e Seguranças. A audiência de conciliação foi designada para hoje.

A tentativa, segundo o escritório, é conseguir um acordo viável para a classe de trabalhadores, que está com nível salarial muito baixo, não recebe participação nos lucros e resultados das empresas, sofre com problemas de segurança nos postos de trabalho e não tem qualquer adicional pelo risco de vida.

Além disso, segundo o escritório, a categoria sofre com os descumprimentos sistemáticos dos seus direitos pelas empresas do setor, especialmente com a extensa jornada e a ausência de intervalo para refeição.

Caso não se chegue a um acordo, o escritório informa que está prevista greve a partir das 0h00 do dia 3 de junho de 2008.

A greve dos vigilantes e seguranças impede as agências e estabelecimentos bancários de funcionarem.

__________________

____________________

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes