Terça-feira, 21 de maio de 2019

ISSN 1983-392X

Petrobras quer esclarecimentos sobre a não manutenção da Companhia no Índice de Sustentabilidade Empresarial da Bovespa

Com relação às notícias veiculadas nesta terça-feira, 25/11, sobre a não manutenção da Petrobras na carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial da Bolsa de Valores de São Paulo, a Companhia esclarece que solicitou que o Conselho Deliberativo do ISE informe os motivos que levaram a essa decisão. A Companhia somente irá se pronunciar com base na resposta do Conselho. As razões apresentadas por fontes não oficiais não serão consideradas, informa a Petrobras.

quarta-feira, 26 de novembro de 2008


ISE

Petrobras quer esclarecimentos sobre a não manutenção da Companhia no Índice de Sustentabilidade Empresarial da Bovespa

Com relação às notícias veiculadas nesta terça-feira, 25/11, sobre a não manutenção da Petrobras na carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial da Bolsa de Valores de São Paulo, a Companhia esclarece que solicitou que o Conselho Deliberativo do ISE informe os motivos que levaram a essa decisão. A Companhia somente irá se pronunciar com base na resposta do Conselho. As razões apresentadas por fontes não oficiais não serão consideradas, informa a Petrobras.

  • Veja abaixo a nota na íntegra :

Esclarecimentos sobre o ISE da Bovespa

Sobre as afirmações de algumas entidades, como o Movimento Nossa São Paulo, de que a Petrobras não estaria cumprindo a Resolução 315/2002 do Conselho Nacional do Meio Ambiente - Conama (clique aqui), a Companhia afirma que é uma inverdade, já que a citada resolução não está relacionada quantidade de enxofre no diesel e sim aos limites de emissões que os novos motores deverão atender. Mesmo sem a disponibilidade de motores próprios para a redução das emissões, em 30 de outubro de 2008, a Petrobras comprometeu-se de forma participativa a fornecer o diesel S-50 (com menor teor de enxofre) já a partir de janeiro de 2009.

A disponibilidade desses motores próprios para a redução de emissões está prevista em acordo firmado com o Ministério Público Federal, Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Renováveis - Ibama, Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis - ANP, Fabricantes de Veículos, Fabricantes de Motores, Associação Nacional de Fabricantes de Veículos Automotores - Anfavea e Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental do Estado de São Paulo - Cetesb, ligada à Secretaria do Meio Ambiente do Governo de São Paulo, conforme cronograma aprovado pelo MP de São Paulo.

A Companhia repudia toda e qualquer acusação infundada, baseada em interpretações equivocadas, como a de que não está cumprindo a legislação vigente em relação à qualidade dos combustíveis comercializados no Brasil.

Em seu Plano Estratégico, a Petrobras consolida o comprometimento com a responsabilidade social e ambiental e com o desenvolvimento sustentável. A Companhia investe em qualidade de combustíveis, com os objetivos de atender às mudanças nas especificações e garantir a competitividade de seus produtos.

_________________

patrocínio

Bradesco VIVO
Advertisement

últimas quentes