Quarta-feira, 19 de junho de 2019

ISSN 1983-392X

Desembargador Júlio Siqueira toma posse no TJ/MS no próximo dia 22/4

Está marcada para o dia 22/4, às 17h, no Palácio da Justiça Des. Leão Neto do Carmo, a solenidade de posse no novo desembargador do TJ/MS Júlio Roberto Siqueira Cardoso. Ele foi promovido no dia 18 de março, depois de ter sido escolhido pelos desembargadores do Tribunal Pleno.

domingo, 5 de abril de 2009


Posse em MS

Desembargador Júlio Siqueira toma posse no TJ/MS no próximo dia 22/4

Está marcada para o dia 22/4, às 17h, no Palácio da Justiça Des. Leão Neto do Carmo, a solenidade de posse no novo desembargador do TJ/MS Júlio Roberto Siqueira Cardoso. Ele foi promovido no dia 18 de março, depois de ter sido escolhido pelos desembargadores do Tribunal Pleno.

Com ele, que recebeu 26 votos, figuraram em lista tríplice os juízes Ruy Celso Barbosa Florence - 23 votos - e Marco André Nogueira Hanson - 28 votos. Nascido no interior de São Paulo - Mogi das Cruzes, Júlio Siqueira ingressou na magistratura em abril de 1984, como juiz substituto na Comarca de Dourados.

Atuou nas Comarcas de Aparecida do Taboado, Paranaíba e, por mais de 10 anos, na 1ª vara do Tribunal do Júri em Campo Grande. Conhecido e respeitado nos meios jurídicos, ele já figurou na lista tríplice para a vaga de desembargador por duas vezes, com expressiva votação. Fez parte do Conselho de Supervisão dos Juizados Especiais. Foi indicado como membro substituto do TRE.

Mesmo sabendo que poderia alcançar o mais alto cargo do Poder Judiciário de MS, ele se emocionou ao ser informado da quantidade de votos que recebeu, e garantiu honrar a confiança que os desembargadores depositaram nele. Ele lembrou do apoio que recebeu dos pais e dos filhos ao longo de sua carreira, e ressaltou: "a vida é uma luta, mas fiz tudo o que tinha que fazer".

Questionado sobre a responsabilidade, o novo desembargador ressaltou a postura que assumirá nas novas funções e se comprometeu a ser mais um na luta para manter os valores da magistratura. "Vou julgar decisão de colegas, e isso exige ainda mais de um desembargador, mas tenho certeza que tudo dará certo".

________________

patrocínio

VIVO

últimas quentes