Quinta-feira, 14 de novembro de 2019

ISSN 1983-392X

Fórum de Administração Judiciária destaca compromisso com a qualidade

Começou ontem à noite, em Brasília

quinta-feira, 11 de novembro de 2004

 

Fórum de Administração Judiciária destaca compromisso com a qualidade

 

Começou ontem à noite, em Brasília, o Fórum de Administração Judiciária, uma promoção conjunta da AMB, do Supremo Tribunal Federal, e da Escola Nacional da Magistratura, que até amanhã reúne ministros das cortes superiores, presidentes de tribunais de justiça, do trabalho e federais, diretores de escolas de magistratura e magistrados de todo o país.

 

Na solenidade de abertura, o tom dos pronunciamentos foi o do compromisso com a qualidade na gestão do Poder Judiciário como forma de agilizar a prestação dos serviços à população.

 

O presidente do Colégio Permanente de Presidentes de Tribunais de Justiça, desembargador José Fernandes Filho, disse que os participantes do evento “sairão dele mais comprometidos com a qualidade da gestão porque este é um clamor da sociedade”.

 

O presidente da AMB, Cláudio Baldino Maciel, afirmou que se a magistratura não investir no aprimoramento da administração de tribunais, varas e cartórios “amanhã ou depois algum aventureiro pode propor que a tarefa seja feita por pessoas de fora do Poder Judiciário”.

 

Para ele, os tribunais nos estados, e os juízes em geral, “precisam deixar de ser ilhas isoladas do resto da sociedade, em benefício da própria sociedade e dos jurisdicionados”. Maciel citou a pesquisa feita pela AMB sobre a imagem do Poder Judiciário, onde ficou latente o desconhecimento da população do Poder.

 

A presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 4a. Região (Bahia), juíza Marama dos Santos Carneiro, não hesitou em dizer, diante de uma platéia lotada de presidentes de tribunais, que muitos não têm formação de gestores “e administram seus tribunais com alguns erros e muita incompreensão por parte da comunidade”.

 

O ministro Gilmar Mendes, do STF, que representou o presidente da Corte na solenidade, ministro Nelson Jobim, disse que aprimorar a administração do Poder Judiciário brasileiro é um desafio em nome do seu papel da integração social do país. Ele salientou que todo este esforço se concentra na melhoria da qualidade dos serviços prestados.

informativo de hoje

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes