Quarta-feira, 16 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

Roberto Lins assume presidência do TRE/PE

O auditório do TRE/PE de Pernambuco revelou-se pequeno durante a solenidade de posse do novo presidente do órgão, o desembargador Roberto Ferreira Lins, realizada no dia 13/4. A sessão especial, prestigiada pelo presidente do TJ/PE, desembargador Jones Figueirêdo, e pelo governador Eduardo Campos, reuniu membros dos três poderes e de instituições civis e militares das esferas estadual, federal e municipais, mas principalmente amigos e admiradores.

quinta-feira, 16 de abril de 2009


Posse em PE

Roberto Lins assume presidência do TRE/PE

O auditório do TRE/PE de Pernambuco revelou-se pequeno durante a solenidade de posse do novo presidente do órgão, o desembargador Roberto Ferreira Lins (centro da foto à direita), realizada no dia 13/4.

A sessão especial, prestigiada pelo presidente do TJ/PE, desembargador Jones Figueirêdo, e pelo governador Eduardo Campos, reuniu membros dos três poderes e de instituições civis e militares das esferas estadual, federal e municipais, mas principalmente amigos e admiradores.

No pronunciamento de posse, Lins falou do desafio que o espera no próximo ano, quando ocorrerá um pleito com cinco eleições distintas: presidente da República, governador, deputados estaduais, federais e senadores. Mencionando o filósofo Arnold Toynbee, o presidente do TRE disse que "entre as civilizações, desde o começo da história da humanidade, sobreviveram aquelas que souberam responder aos desafios recebidos".

O novo presidente do TRE externou sua confiança na capacitação do corpo de servidores daquela corte para o sucesso do pleito: "venceremos o desafio, entregando à sociedade o resultado das eleições refletindo fielmente a vontade do povo sufragada nas urnas", garantiu.

Lins declarou, ainda, sua confiança nos resultados do trabalho que é feito com da união.

"Corte e servidores unidos, mais os integrantes da sociedade que servirão ao pleito, conseguiremos realizar uma eleição sem censuras", disse ele.

Roberto Lins apontou a participação popular como princípio básico da democracia.

"Enxergo o processo eleitoral com a participação de apenas dois atores: o povo, de um lado, e os partidos políticos e seus candidatos de outro. O Direito Eleitoral é a partitura de uma regência na busca do aperfeiçoamento do Estado Democrático de Direito, no qual a Justiça Eleitoral há de ser vista como maestrina que rege a partitura das regras eleitorais", disse ele sobre sua maneira de ver o sistema eleitoral.

Ao encerrar, o novo presidente do TRE se declarou consciente de sua responsabilidade de zelar pela independência da Justiça Eleitoral e que irá corresponder à confiança que lhe foi depositada.

"Posso apenas dizer que meu passado é avalista do meu presente e do meu futuro", concluiu.

Saudação

Em discurso de saudação ao presidente da TRE recém-empossado, o desembargador eleitoral Sílvio Romero se reportou às origens humildes de Roberto Ferreira Lins que desde cedo precisou trabalhar para pagar os próprios estudos. Romero fez uma retrospectiva do histórico de Roberto Lins para concluir: "seu nome sobrepõe o título que ora ostenta".

O procurador eleitoral Fernando José também saudou o novo presidente, reforçando suas qualidades pessoais, especialmente a honestidade, capacidade de trabalho e competência para o exercício do cargo.

Mesa de Honra

Integraram a mesa de honra, ao lado do presidente Eduardo Ferreira Lins, o presidente do TJ/PE, desembargador Jones Figueirêdo; o governador Eduardo Campos; o presidente do TRF da 5ª região, desembargador Luiz Gurgel de Farias; a presidente do TRT da 6ª região, desembargadora Eneida Araújo; o comandante militar do Nordeste, general Mário Neto; o presidente da Assembléia Legislativa, deputado Guilherme Uchoa; e o prefeito do Recife, João da Costa.

Composição do TRE

Presidente: desembargador Roberto Ferreira Lins

Vice-Presidente: desembargadora Alderita Ramos de Oliveira

Corregedor Regional Eleitoral (Classe juiz de Direito): Silvio Romero Beltrão

Desembargadora Eleitoral Efetiva (Classe juiz Federal): Margarida de Oliveira Cantarelli

Desembargador Eleitoral Efetivo (Classe juiz de Direito): Francisco Julião de Oliveira Sobrinho

Desembargador Eleitoral Efetivo (Classe de advogados): João Henrique Carneiro Campos

Desembargador Eleitoral Efetivo (Classe de advogados): Ademar Rigueira Neto

Procurador Regional Eleitoral: Fernando José Araújo Ferreira

____________

informativo de hoje

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes