Quarta-feira, 23 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

Juizados especiais poderão decidir causas relativas a cartórios

A Comissão de Legislação Participativa aprovou no dia 29/4 sugestão de que seja elaborado um projeto de lei para ampliar as atribuições dos juizados especiais, permitindo que julguem causas oriundas do serviço notarial e registral, inclusive as relativas ao pagamento de emolumentos. A proposta altera a Lei dos Juizados Especiais (Lei 9.099/95).

segunda-feira, 4 de maio de 2009


Agilidade

Juizados especiais poderão decidir causas relativas a cartórios

A Comissão de Legislação Participativa aprovou no dia 29/4 sugestão de que seja elaborado um projeto de lei para ampliar as atribuições dos juizados especiais, permitindo que julguem causas oriundas do serviço notarial e registral, inclusive as relativas ao pagamento de emolumentos. A proposta altera a Lei dos Juizados Especiais (Lei 9.099/95 - clique aqui).

A sugestão (101/08) foi apresentada à Câmara pelo Conselho de Defesa Social de Estrela do Sul (Condesesul-MG). O relator, deputado Roberto Britto - PP/BA, recomendou sua aprovação. Ele argumentou que os juizados especiais são mais rápidos que a Justiça Comum.

"É natural que o povo deseje ver a competência dos juizados especiais ampliada para resolver, de forma eficaz e barata, suas questões judiciais. No caso presente, a decisão sobre um simples pedido de sustação de protesto, um questionamento sobre a escritura de um imóvel ou de um testamento fariam a diferença no cotidiano das pessoas", afirmou Britto.

Tramitação

A sugestão passará a tramitar como PL e será analisada pelas comissões da Câmara.

______________

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes