Quarta-feira, 16 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

TJ/PB - Desembargador Júlio Paulo Neto se despede da Quarta Cível e é homenageado

A Quarta Câmara Cível do TJ/PB prestou homenagem, na manhã de ontem, 29/9, ao desembargador Júlio Paulo Neto, por seus 41 anos dedicados à magistratura. O magistrado, se aposenta, por tempo de serviço, na próxima quinta-feira, 1/10.

quarta-feira, 30 de setembro de 2009


Homenagem

TJ/PB - Desembargador Júlio Paulo Neto se despede da Quarta Cível e é homenageado

A Quarta Câmara Cível do TJ/PB prestou homenagem, na manhã de ontem, 29/9, ao desembargador Júlio Paulo Neto, por seus 41 anos dedicados à magistratura. O magistrado, se aposenta, por tempo de serviço, no dia 1/10.


O presidente do órgão fracionário, desembargador Antônio de Pádua Lima Montenegro, disse que o desembargador Júlio Paulo Neto prestou relevantes serviços ao Judiciário paraibano e ao Ministério Público estadual.

Neste mesmo sentido, o desembargador Romero Marcelo da Fonseca Oliveira ressaltou que o desembargador Júlio Paulo Neto deixa uma semente de realizações e conquistas junto ao Tribunal de Justiça. "Tenho certeza que Vossa Excelência cumpriu sua missão como judicante", afirmou.

A representante do MP estadual, Marilena Campos de Carvalho, asseverou a importância de Deus durante a vida do desembargador-homenageado, além de sua incorporações junto ao TJ/PB e ao MP.

Pela OAB, seccional Paraíba, falou o advogado Odilon de Lima Fernandes, que ressaltou a simplicidade e o diálogo do homenageado com os magistrados, advogados, serventuários e jurisdicionados. "O senhor fez jus a esta majestade, pela credibilidade que possui, sempre tratando as pessoas de forma serene e respeitosa", disse.

Falando em nome do seu gabinete e dos servidores da Quarta Câmara, o bacharel Yuri Paulino de Miranda agradeceu a experiência e a convivência que teve no gabinete do desembargador Júlio Paulo Neto durante os últimos anos.

Depois de ouvir atentamente todos os discursos, Júlio Paulo Neto fez questão de agradecer a todos que o homenagearam e, em breves palavras, se despediu dos membros da Quarta Cível. "Agradeço todas as palavras de carinho e gratidão. Deixo a magistratura depois de quase 41 anos de dedicação. Procurei fazer o meu melhor e saiu com a cabeça erguida e a sensação do dever cumprido".

Biografia

Natural de Campina Grande, o desembargador Júlio Paulo Neto ingressou no Ministério Público estadual em 1968, onde fez carreira, chegando ao cargo de procurador-geral da Justiça, eleito duas vezes pelos membros da instituição.

Em março de 2002, foi escolhido para ocupar vaga proveniente do Quinto Constitucional no Tribunal de Justiça da Paraíba, sendo eleito, em 2005, para o ocupar a vice-presidência e, posteriormente, a presidência da Corte.

_________________
_____________

Fonte : TJ/PB

_________
_________________

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes