Sexta-feira, 20 de setembro de 2019

ISSN 1983-392X

Começa o 81° encontro de Presidentes dos Tribunais de Justiça

Começou ontem, 8/10, o 81º Encontro Nacional do Colégio Permanente de Presidentes de Tribunais de Justiça do Brasil. A solenidade de abertura foi realizada na sede do TJ/SP, com as presenças de presidentes de 23 tribunais estaduais brasileiros. O presidente do TJ/SP, desembargador Roberto Vallim Bellocchi abriu o Encontro falando sobre o orgulho do Tribunal paulista em receber os presidentes dos TJ.

sexta-feira, 9 de outubro de 2009


81° encontro

Começou ontem o encontro de Presidentes dos Tribunais de Justiça

Começou ontem, 8/10, o 81º Encontro Nacional do Colégio Permanente de Presidentes de Tribunais de Justiça do Brasil. A solenidade de abertura foi realizada na sede do TJ/SP, com as presenças de presidentes de 23 tribunais estaduais brasileiros. O presidente do TJ/SP, desembargador Roberto Vallim Bellocchi abriu o Encontro falando sobre o orgulho do Tribunal paulista em receber os presidentes dos TJ.

Em seguida, falando em nome do TJ/SP, o desembargador Renato Nalini fez uma retrospectiva sobre o nascimento do Colégio de Presidentes, lembrando o nome do desembargador Odir Porto, responsável pela criação da entidade, em 1992, e sua trajetória na magistratura paulista, chegando à presidência do TJ/SP.

O atual presidente do Colégio Permanente de Presidentes de Tribunais de Justiça do Brasil, desembargador Marcus Antônio de Souza Faver, destacou a importância do Encontro do Colégio estar sendo realizado em São Paulo, berço da revolução constitucionalista de 32, e sua luta por um Estado democrático. Faver lembrou que o Brasil é uma Federação, em que cada Estado possui características próprias e diversificadas e, por isso mesmo, não é possível que se estabeleçam normas iguais para todos eles. "Esse encontro tem características especiais. Em outubro, este Colégio faz aniversário e, como acontece com as pessoas quando completam mais um ano de vida, fazem também uma espécie de introspecção e, é isso o que deverá acontecer nestes dois dias", disse.

O presidente Vallim Bellocchi encerrou a solenidade elogiando a fala do desembargador Marcus Faver, afirmando que ele praticamente fez um resumo dos ideais contidos na carta que criou o Colégio Permanente de Presidentes.

Não há como separar o que a natureza criou, lembrando das peculiaridades existentes em cada Estado brasileiro. Bellocchi traduziu a composição do Tribunal paulista por meio de números, citando a quantidade de circunscrições, comarcas, sentenças e votos proferidos, além de funcionários, juízes e desembargadores, demonstrando, dessa forma, a dimensão do maior tribunal do país.

______________

informativo de hoje

patrocínio

Bradesco VIVO

últimas quentes