Segunda-feira, 14 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

TJ/SP - Fórum da Penha recebe 4ª vara Cível

O TJ/SP instalou ontem, 26/10, a 4ª vara Cível do Foro Regional de Penha de França, na zona leste da capital. A solenidade, que teve a presença do presidente do TJ/SP, desembargador Roberto Antonio Vallim Bellocchi, aconteceu no antigo Plenário do Júri do fórum.

terça-feira, 27 de outubro de 2009


Solenidade

TJ/SP - Fórum da Penha recebe 4ª vara Cível

O TJ/SP instalou ontem, 26/10, a 4ª vara Cível do Foro Regional de Penha de França, na zona leste da capital. A solenidade, que teve a presença do presidente do TJ/SP, desembargador Roberto Antonio Vallim Bellocchi, aconteceu no antigo Plenário do Júri do fórum.

A responsável pela nova vara, juíza Rosangela Maria Telles, falou da satisfação em participar da inauguração de uma nova unidade judicial: "Vemos que o Tribunal de Justiça, dentro de suas limitações orçamentárias, vem caminhando no sentido de atender as expectativas dos jurisdicionados. A 4ª vara Cível era uma antiga reivindicação dos magistrados e dos advogados que aqui militam".

A juíza elogiou a iniciativa do presidente Vallim Bellocchi de visitar todos os foros regionais e dezenas de comarcas do interior paulista, com o objetivo de conhecer os magistrados e a realidade do Judiciário. "Estamos muito confiantes nessa gestão e, por isso, termino com um sentimento de otimismo", disse Rosangela Telles.

Na sequência, o presidente da 94ª subsecção da OAB, Marcio Gonçalves, afirmou que a instalação "concretiza o primeiro passo no sentido de alcançarmos a justiça que tanto apregoamos como profissionais do Direito".

No encerramento da solenidade, o presidente do Tribunal ressaltou o seu retorno ao bairro, onde cursou o ensino primário. "A Penha cresceu à margem, distante do centro e formou sua economia e seus profissionais. Hoje, aqui se instala a 4ª vara Cível e está em processo a entrega de um novo prédio para o abrigar o fórum", comentou.

Após apresentar um panorama da Justiça paulista e falar sobre os projetos do TJ/SP, entre eles o término da informatização nos próximos anos em parceria com o governo do Estado, o presidente concluiu: "O Tribunal de Justiça de São Paulo faz o que deve e faz muito bem o que pode. Espero que a gestão sucessória continue, não permita que pare, para o bem da comunidade. Em relação à Penha de França, eu posso dizer que sonhei um sonho certo. Muito obrigado!".

Foro Regional da Penha de França

O Foro Regional da Penha tem aproximadamente 380 funcionários e cerca de 1.500 pessoas circulam diariamente pelas suas instalações. Conta agora com quatro varas cíveis, duas varas criminais e do Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, duas da Família e das Sucessões, uma da Infância e da Juventude e uma vara do Juizado Especial Cível. O juiz diretor é Fernando Luiz Sastre Redondo, responsável também pela 2ª vara Cível.

De acordo com Corregedoria Geral da Justiça, existiam 53.800 processos em andamento no Fórum da Penha em agosto passado, tendo sido distribuídas naquele mês 2.129 novas ações.

________________________

informativo de hoje

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes