Sábado, 21 de setembro de 2019

ISSN 1983-392X

Mais uma vara do júri é instalada em Campinas/SP

Na tarde de ontem, 16/11 foi instalada em Campinas, a 2ª vara do Júri. A solenidade aconteceu na Cidade Judiciária da comarca e contou com as presenças do presidente do TJ/SP, Roberto Antonio Vallim Bellocchi e dos juízes Sergio Araújo Gomes, responsável pela nova vara, e Luiz Antonio Alves Torrano, diretor da Cidade Judiciária e do Foro Central. A 2ª Vara do Júri, juntamente com a 1ª Vara, estão localizadas no Foro Central.

terça-feira, 17 de novembro de 2009


Solenidade

Mais uma vara do júri é instalada em Campinas/SP

Na tarde de ontem, 16/11 foi instalada em Campinas, a 2ª vara do Júri. A solenidade aconteceu na Cidade Judiciária da comarca e contou com as presenças do presidente do TJ/SP, Roberto Antonio Vallim Bellocchi e dos juízes Sergio Araújo Gomes, responsável pela nova vara, e Luiz Antonio Alves Torrano, diretor da Cidade Judiciária e do Foro Central. A 2ª vara do Júri, juntamente com a 1ª vara, estão localizadas no Foro Central.

O presidente Vallim Bellocchi, em seu discurso, apresentou dados relativos ao Judiciário paulista e falou sobre a importância da vara instalada. "O Poder Judiciário tem que estar pronto para dar resposta à sociedade. A instalação da 2ª vara do Júri vai agilizar o julgamento dos crimes dolosos contra a vida", disse.

Por sua vez, o juiz Luiz Antonio Alves Torrano enfatizou o benefício que a instalação trará à coletividade: "Aqui, todos estamos procurando acrescentar ao sentido de nossas vidas particulares, um sentido maior que não poucas vezes exige renúncias e muitas vezes vai encontrar sua expressão na vida de nossos descendentes. Nosso objetivo não é tornar o Poder Judiciário local mais rápido e eficiente pensando em nós, mas sim em todos os jurisdicionados. É procurar acrescentar em cada dia a nossa pequenina pedra ao edifício do esforço humano que transcende o indivíduo em prol do bem comum".

Campinas

A comarca de Campinas é sede da 8ª Circunscrição Judiciária, composta ainda pelas comarcas de Valinhos e Cosmópolis e pelo Foro Distrital de Paulínia. Na comarca há dois fóruns (um central e um regional) e um complexo judiciário (Cidade Judiciária), além do Serviço de Atendimento Psicossocial.

A Cidade Judiciária conta com dez varas cíveis, seis varas criminais, quatro de família e sucessões, uma da infância e juventude, duas da fazenda pública, duas de execuções criminais, duas do juizado especial cível e dois serviços anexos fazendários. O Foro Regional de Vila Mimosa possui cinco varas cumulativas (cível, criminal e família e sucessões). No Foro Central ficam as duas varas do júri, sendo uma delas a recém-instalada.

Campinas é a comarca mais antiga do Estado de São Paulo, criada em 1832. A cidade tem uma população de pouco mais de um milhão de habitantes. O prédio do Foro Central foi inaugurado em 1951. Nele circulam diariamente cerca de 700 pessoas. Na 1ª vara do Júri estão em andamento 1042 processos e 2448 inquéritos policiais. A nova vara receberá apenas processos novos.

De janeiro ao final de setembro deste ano foram distribuídas em Campinas 593.359 ações. O número total de feitos que deram entrada na comarca no último mês de setembro foi de 9.284.

  • Confira abaixo fotos da solenidade :

___________________

________________________

patrocínio

Bradesco VIVO

últimas quentes