Sábado, 15 de junho de 2019

ISSN 1983-392X

Página do STF no Twitter já está no ar

O mais novo canal de comunicação do STF com seu público já está funcionando a pleno vapor desde a manhã da última terça-feira, 1/12. A página oficial do STF no Twitter – rede social criada em 2006 e reconhecida por sua simplicidade e grande agilidade – busca oferecer mais informações sobre tudo o que acontece na Suprema Corte brasileira.

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009


Página oficial

STF no Twitter - Já está no ar

O mais novo canal de comunicação do STF com seu público já está funcionando desde a manhã da última terça-feira, 1/12. A página oficial do STF no Twitter busca, segundo o Supremo, oferecer mais informações sobre tudo o que acontece na Corte. Até o momento, a página já conta com 172 seguidores (clique aqui). Por meio do Twitter, os seguidores do STF terão acesso, em tempo real, aos principais itens da agenda diária do presidente do Supremo e dos demais ministros, além de se informar sobre as pautas de julgamento do Plenário e saber, em primeira mão, a respeito das ações que chegam à Corte diariamente e sobre as mais importantes decisões proferidas, seja nas Turmas ou no próprio Plenário.

O Plenário Virtual, onde os ministros decidem a aplicação da repercussão geral nos temas em debate no Supremo, também poderá será acompanhado por meio dessa nova ferramenta social.

Os seguidores do STF no Twitter terão ainda acesso a informações sobre os mais recentes vídeos postados na página do Supremo no YouTube, as fotos disponíveis no banco de imagens do site da Corte, as entrevistas dos ministros, e os destaques na programação da TV e da Rádio Justiça.

Twitter

Com apenas três anos de existência, esta rede social já contabiliza mais de 3, 5 milhões de usuários no Brasil, registrando, no mundo, aproximadamente 54 milhões de visitas por mês, segundo sites especializados em tecnologia. O Twitter permite que os usuários cadastrados exponham, em no máximo 140 toques – os chamados "tweets", que podem ser pensamentos, notícias, feitos, projetos, ideias, links para fotos, vídeos ou textos.

Redes sociais

Com o objetivo de aproximar ainda mais o Judiciário da sociedade, o STF tem acompanhado as inovações tecnológicas e, nesse sentido, além de seu site e da página no Twitter, mantém, desde outubro deste ano, um canal no YouTube, que já é acompanhado de perto por cerca de dois mil parceiros inscritos.

Em pouco mais de um mês, os vídeos do canal do STF já foram exibidos mais de 300 mil vezes.

A página disponibiliza vídeos de julgamentos realizados na Corte, bem como programas produzidos pela TV Justiça. Confira o canal do STF no YouTube (clique aqui).

_________
______________

Leia mais

  • 30/11/09 - Em dezembro, internautas podem acompanhar dia-a-dia do STF pelo Twitter - clique aqui.

________________________

patrocínio

VIVO

últimas quentes