Migalhas

Sexta-feira, 10 de abril de 2020

ISSN 1983-392X

Cenário
FSB Inteligência

Cenário - 7.5.19

terça-feira, 7 de maio de 2019

Receitas x despesas

O governo pode ter que fazer cortes orçamentários mais drásticos no segundo semestre.

A arrecadação continua fraca e para pagar as principais despesas a equipe econômica depende da aprovação de um projeto de lei de crédito suplementar de R$ 249 bilhões até junho.

Desde o início do ano, o Tesouro já bloqueou R$ 30 bilhões do Orçamento por considerar que não teria como cumprir a meta fiscal de déficit primário de R$ 139 bilhões e por não ter perspectivas de crescimento na arrecadação.

Caso esse projeto não seja aprovado pelo Congresso até o próximo mês, o governo teria que fazer ajustes para cumprir a chamada regra de ouro, dispositivo constitucional que impede a emissão de dívidas para pagamento de despesas correntes.

PIB

Em baixa

O cenário econômico para os próximos meses segue sem perspectivas de melhoras.

As estimativas do mercado indicam para um PIB de 1,49% neste ano. Desde o início do ano, as expectativas já caíram mais de 1 ponto percentual.

As previsões são de agentes de mercado, reunidas semanalmente no relatório Focus, do Banco Central.

Na semana passada, o mercado tinha expectativa de que o PIB poderia ser de 1,7% neste ano.

Copom

De olho na Selic

É com esse cenário pessimista que o Comitê de Política Monetária começa a analisar hoje os dados da economia para determinar a taxa básica de juros para os próximos 45 dias.

Na última reunião, o Copom considerou que o cenário externo continuava mais desafiador para a política monetária.

Desde então, porém, o desemprego aumentou no país, os alimentos passaram a pressionar a inflação e as perspectivas de crescimento se deterioraram.

PGR

Disputa no Ministério Público

A disputa pela vaga de procurador-geral da República começou oficialmente e até o próximo dia 15 os integrantes do Ministério Público que quiserem integrar a lista tríplice dos indicados para a vaga devem se candidatar na Associação Nacional dos Procuradores da República.

Essa deve ser a disputa mais concorrida e tensa da categoria dos últimos anos. Entrar na lista é apenas a primeira etapa do processo.

Os três concorrentes que receberem mais votos dos seus pares serão indicados para o presidente Jair Bolsonaro. E ele não é obrigado a escolher um deles.

O escolhido de Bolsonaro ainda terá que ser sabatinado e aprovado pelos senadores para só então assumir o comando do Ministério Público.

MP

O desenho da Esplanada

O relator da MP que trata da organização administrativa do governo Bolsonaro, senador Fernando Bezerra Coelho, pretende manter em seu parecer o Coaf sob o comando do ministro da Justiça, Sérgio Moro.

Apesar da indicação política de que o governo defenderá o seu desenho administrativo no relatório que será apresentado à comissão mista hoje, não há garantias de que no plenário da Câmara ele será mantido.

É provável que pelo menos três mudanças sejam feitas pelos deputados:

1) remanejar o Coaf para o Ministério da Economia,

2) revolver a Funai para o comando do Ministério da Justiça,

3) e transferir da Justiça para a Economia os processos de pedidos de registros de sindicatos.

Brumadinho

Investigação na comissão

A comissão externa da Câmara dos Deputados que investigou a tragédia do rompimento de uma barragem em Brumadinho (MG), em janeiro deste ano, debate e, provavelmente, vota hoje um relatório que propõe seis projetos de lei, dois projetos de lei complementar e uma proposta de emenda à Constituição.

As medidas legislativas criam regras mais duras de fiscalização, ampliam a tributação sobre a atividade de mineração e modificam os marcos legais de concessão de novas lavras.

Medicamentos

Prática comum

Para 77% dos brasileiros é normal se automedicar, pois eles declararam ter recorrido ao hábito nos últimos seis meses.

É o que revela uma pesquisa encomendada ao Instituto Datafolha pelo Conselho Federal de Farmácia. Outros 57% disseram que têm o costume de mudar a dose do medicamento receitado pelo médico.

Essa prática ocorre especialmente entre os homens (60%) e jovens de 16 a 24 anos (69%). Na maioria das vezes, o paciente reduz a posologia administrada pelo médico.

Os principais motivos alegados foram a sensação de que "o medicamento fez mal" ou "a doença já estava controlada". Para 17%, o motivo que justificou a atitude foi o custo do medicamento.

Finanças

Consumidor jovem

Os jovens entre 18 e 24 anos ainda não foram arrebatados majoritariamente pelos novos serviços financeiros digitais e mantêm um perfil de consumidor mais parecido com o dos pais.

Esse é um dos diagnósticos de uma pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas, que mostrou ainda que os jovens têm dificuldade para investir e poupar.

Entre os entrevistados, 65% já possuem conta corrente, 42% têm cartão de loja e 22% limite extra de cheque especial em uso no momento.

Cerca de 57% deles disseram possuir cartão de crédito, mas destes apenas um terço tem um cartão digital com abertura e operação via internet, enquanto 25% dos que têm conta bancária possuem somente em formato digital; e 12% dos que têm algum investimento fizeram em fintechs ou startups do segmento financeiro.

AGENDA

Planalto - O presidente Jair Bolsonaro participa hoje, às 16h, da solenidade de assinatura do decreto da Nova Regulamentação do Uso de Armas e Munições.

Audiência - O presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Junior, participa de audiência pública hoje, às 10 horas, na Comissão de Minas e Energia da Câmara para debater a modelagem de privatização da estatal.

Reforma - A comissão especial da reforma da Previdência da Câmara debate nesta tarde o plano de trabalho dos próximos meses.

Selic - O Copom se reúne a partir de hoje para definir a taxa básica de juros para os próximos 45 dias.

Comissão - A Comissão Externa de Brumadinho da Câmara debate a aprova relatório sobre a tragédia que deixou centenas de mortos.

EDUCAÇÃO

Bolsas - Uma lista das 25 melhores bolsas com inscrições em maio e junho.

SABER

Conhecimento - Veja algumas histórias e exposições pelo mundo que ajudam a conta a queda do comunismo.

SUSTENTÁVEL

Extinção - Um milhão de espécies de animais e plantas estão ameaçadas de extinção, segundo relatório da Plataforma Intergovernamental de Políticas Científicas sobre Biodiversidade e Serviços de Ecossistema.

TECH

Lazer - Conheça oito plataformas digitais para ver filmes legalmente pela Internet.

BEM-ESTAR

Luz solar - Estudos mostram que tomar sol melhora o sono e dá mais felicidade.