Quarta-feira, 23 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

Fusão, aquisição, incorporação, cisão e joint venture de empresas

William Fernandes Chaves

Sempre que houver uma transação de compra e venda de uma empresa, é necessário avaliar o melhor processa para a operação venha a ser assertiva. Deve-se levar em conta características estratégicas das empresas envolvidas, seu valor, o mercado e toda a parte operacional envolvida.

segunda-feira, 3 de junho de 2019

t

Entenda a importância de cada um para a sua empresa.

O desejo de qualquer empresário é ver o seu negócio crescer. Mas, crescer de forma desestruturada, ou seja, sem o planejamento adequado, é muito ruim e pode se tornar um grande problema para uma ideia que tinha tudo para certo!

A globalização tem tornado o mercado cada vez mais competitivo e vislumbrando alcançar maior espaço de atuação e vantagens sobre a concorrência, muitas empresas buscam reorganizar as suas estruturas a fim de obter estratégias que acelerem o seu crescimento.

Ao falar em crescimento empresarial, levamos em consideração 2 tipos de processo de desenvolvimento: orgânico e inorgânico.

Quais são as diferenças entre crescimento orgânico e crescimento inorgânico no âmbito empresarial?

Nem todos os processos que servem para uma empresa crescer, serve também para a outra.

O mais importante é identificar o mais seguro para o seu tipo de negócio.

Crescimento empresarial orgânico é o modelo mais comum, pois seu foco está em trabalhar estratégias internas, em departamentos específicos através de um bom plano de expansão de negócios bem elaborado.

Este processo é mais lento, pois requer pesquisas de mercado, lançamento de novos produtos, abertura de filiais, entre outras ações.

Apesar de ser um processo gradual, ele é sólido e seguro, além de oferece melhor controle gerencial à empresa.

Crescimento empresarial inorgânico trata-se de um crescimento mais acelerado, a curto ou médio prazo, onde uma empresa busca um novo negócio através de aquisições.

Adquirindo novas empresas, determinado negócio atenderá uma fatia maior do mercado, correspondendo de forma mais efetiva às expectativas dos consumidores e desta forma, conquistando mais espaço.

Um ponto que merece destaque neste processo, é o conhecimento que o empresário deve ter em relação a investimentos e uma gestão totalmente focada no controle financeiro desta integração.

Em muitos casos, estes procedimentos podem ser a solução estratégica ideal para que uma empresa venha a se destacar no mercado.

Entenda como funciona o processo de fusão de empresas

O que é fusão de empresas?

É quando duas empresas distintas ou até mesmo concorrentes, se juntam para formar uma única empresa.

Exemplo: a empresa X se juntou com a empresa Y e formaram a empresa Z.

Este processo de nova sociedade é legal e tem sua definição na lei 6.404/79, mais conhecida como Lei das Sociedades por Ações, através do artigo 228.

Como é o processo de fusão de empresas?

O processo varia de acordo com o segmento e tamanho das empresas, o que pode tornar o processo mais complexo, porém, possibilita a diversificação no mercado, maior abrangência da marca, diminuição dos riscos de mercado, entre outras vantagens que aumentam a competividade da empresa.

Entenda como funciona o processo de aquisição de empresas

O que é o processo de aquisição de uma empresa?

É a compra de uma empresa feita por outra empresa do mesmo segmento ou não.

Como se dá o processo de aquisição de uma empresa?

Através da compra de ações ou ativos. O investimento é alto e requer controle financeiro.
A aquisição pode ser parcial, de controle ou total.

As aquisições são realizadas com propósitos estratégicos, para que a organização passe a estar presente em novos mercados.

Importante: empresas de capital aberto devem ter suas operações autorizadas pelo Governo e ou, órgãos competentes, conforme consta no artigo 255 da Lei das Sociedades por Ações.

Tanto no processo de fusão quanto de aquisição de empresas, há a participação de pessoas físicas e jurídicas que buscam outros negócios.

Entenda como funciona o processo de incorporação de empresas

O que é o processo de incorporação de uma empresa?

Neste processo, uma ou mais empresas são absorvidas por outras.

Na incorporação, a empresa que é incorporada deixa de existir e a incorporadora continua com sua personalidade jurídica inalterada.

Isto se consolida através do artigo 227 da Lei 6.404/1976, onde fica claro que todas as obrigações e direitos passam a ser da incorporadora.

Como se dá o processo de incorporação de uma empresa?

Assim que os sócios de ambas as partes aprovam a operação, os peritos nomeados pela incorporada apresentarão os laudos para a incorporadora e após aprovação do processo, a incorporadora declara extinta a incorporada.

Entenda como funciona o processo de cisão de empresas

O que é o processo de cisão de uma empresa?

Consiste em transferir parcelas do patrimônio de uma empresa para uma ou mais empresas.

O processo de cisão pode ser total ou parcial, mas, independentemente de qual seja feito, o direito sucessório e as obrigações, serão referente apenas ao que foi transferido para a outra parte.

Como se dá o processo de cisão de uma empresa?

Este processo pode ser realizado em qualquer tipo de sociedade empresarial, mesmo por aquelas que não possuem ações.

A cisão é uma medida extrema, sendo utilizada em casos excepcionais como por exemplo, uma dissolução societária e uma nova empresa deve ser criada para receber os bens, direitos e obrigações que foram desmembradas.

Entenda como funciona o processo de joint venture

O que é o processo de joint venture?

É quando duas empresas identificam uma determinada oportunidade de mercado e criam uma terceira empresa, ou seja, é um acordo comercial por um determinado período ou por uma determinada causa específica.

Como se dá o processo de joint venture?

Neste processo, as duas empresas permanecerão ativas e cada uma das empresas, é responsável pelos lucros, custos e despesas associadas a transação.

Sempre que houver uma transação de compra e venda de uma empresa, é necessário avaliar o melhor processa para a operação venha a ser assertiva.

Deve-se levar em conta características estratégicas das empresas envolvidas, seu valor, o mercado e toda a parte operacional envolvida.

_______________

t*William Fernandes Chaves é sócio fundador do escritório Chaves Advocacia