Sábado, 19 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

Pensamento 21

Jayme Vita Roso

Eu te namoro... tu me namoras

quinta-feira, 12 de junho de 2008


Pensamento 21

Jayme Vita Roso*

Eu te namoro... tu me namoras

Não nos conhecemos por acaso.
E, sim, pela magia do universo
Como poeira em prosa e verso.

Caminhamos pela praia de mãos dadas,
Contemplando o vôo mágico das gaivotas.
Tu és minha lua; sou o teu sol...
Falamos a mesma linguagem,
Curtimos a mesma viagem.

Com ternura e encanto, carinho e esperança,
Formamos a nossa aliança.
Eu te caço... tu me caças...
Em nossas batalhas não há vencedor;
bebemos na mesma taça o vinho do amor.

Tu me encantas... eu te canto...
Somos felizes e reais em diferenças iguais.

O que seria de mim sem ti? ...
O que seria de ti sem mim? ...

Eu te namoro... tu me namoras...
Somos assim.

(Luizinho Bastos, ed. Paulus)

Com essa poesia, saúdo os que são namorados, verdadeiramente enamorados. A data é hoje. Vamos celebrá-la com todo carinho, afeto e desprendimento. Hoje não há fronteiras, nem preconceitos; nem meias palavras para esconder os sentimentos que vêm do fundo da alma, passando pelo coração enternecido.

Comemore-se hoje e sempre com esta linda música, What the world needs now is Love, do notável Burt Bacharach. Além de ser um respeitabilíssimo compositor de músicas populares, de sucesso mundial, também, dedica-se à música judaica religiosa, sendo também autor de várias peça importantes.

O escriba migalheiro lembra que Bacharach foi o grande lançador da bossa nova nos Estados Unidos e várias de suas músicas foram inspiradas nas composições dos nossos autores, dentre elas Reach out for me, The look of love, I’ll never fall in love again1.

Também, para comemorar a data, numa simbiose da bossa nova com a música de Bacharach, a preciosa interpretação de Patti Ascher, que estará com outros ícones da bossa nova no dia 19, na Hebraica em São Paulo. A música escolhida, das mais populares do vasto repertório de Bacharach, além de despertar paixões, cristaliza os nossos melhores sentimentos de seres humanos em busca de melhores dias para cada um de nós e também para todo o país e o mundo.

Celebremos.

________________

1 BROCKEN, Michael. Bacharach: Maestro! The life of a pop genius. Surrey: Chrome Dreams, 2003. p. 102-105
_________________







*Advogado






_________________