Quarta-feira, 24 de abril de 2019

ISSN 1983-392X

Migalhas nº 382

    
                                    Migalhas  

Segunda, 25 de fevereiro de 2002 / nº 382 / fechamento às 7:09

Editorial I

Desde a última quinta-feira, acontece algo inimaginável. Em pleno ano de 2002, na cidade do Rio de Janeiro, não há Justiça do Trabalho. É isso mesmo. Com a interdição do prédio da rua Santa Luzia, no Centro do Rio, onde funcionavam 32 Varas do Trabalho, e o anterior incêndio ocorrido no prédio do TRT, no último dia 8, a cidade está sem Justiça trabalhista. É um verdadeiro drama, ainda mais se lembrarmos que quem mais se utiliza dessa Justiça são justamente os mais necessitados, os hipossuficientes. O Ministério da Justiça precisa tomar providências urgentes, a situação não pode ficar assim. Não podemos nos conformar com esse absurdo. A falta de justiça causa males às vezes até maiores que a dengue. Na próxima quarta-feira haverá uma manifestação organizada pelos profissionais do Direito. Esperamos que antes disso já tenhamos uma atitude concreta.

Sucessão

O fim de semana foi de especulações políticas, em torno da pesquisa Datafolha. Lula perdeu quatro pontos percentuais e deixou de ser líder isolado na disputa sucessória. A pesquisa revelou que a governadora do Maranhão, Roseana Sarney, manteve sua linha de ascensão pela quinta vez consecutiva, passando de 21% para 23% das intenções de voto. Lula tinha 30% no levantamento anterior e agora está com 26%.

Correndo por fora

Anthony Garotinho, também manteve linha ascendente, chegando a 13% das intenções de voto. José Serra, subiu três pontos, passando de 7% para 10%.

Azarão

Ciro Gomes, segue uma linha descendente pela terceira vez em cinco pesquisas, passando de 10% em janeiro para 8% agora. Itamar Franco, manteve os mesmos 6% de janeiro.

Último tango

Já na vizinha Argentina, as especulações foram ainda mais tenebrosas. Dizem que há no ar possíveis conspiradores de um eventual golpe cívico-militar.

Até tu

FHC, em visita à Polônia, enquanto passeava pelo centro histórico de Varsóvia, ao ser indagado se era favorável à convocação de Romário para a seleção que vai à Copa do Mundo na Coréia e no Japão, disse : "Ah, eu sou Romário, eu sou Romário".

Pagando a dívida

A "força" de FHC soou para alguns como retribuição. Três anos atrás, no calor da crise da desvalorização do real, o artilheiro, depois de marcar um gol, ergueu a camisa do uniforme para mostrar a mensagem na camiseta de baixo: "Eu sou FHC."

"Modesto"

Bem longe de Varsóvia, em São Caetano, onde o Vasco perdeu de 3 a 0 para o time da casa, Romário, embora econômico nas palavras, dizia contente com o apoio de FHC. "Fiquei muito feliz, muito feliz", insistia, certo de que no momento certo será convocado. "O Felipão é inteligente, sabe o melhor para a seleção."

Depositário infiel

A Terceira Turma do STJ negou pedido de habeas corpus ao agropecuarista Samir Madlum, de Nova Granada/SP, que teve ordem de prisão decretada como depositário infiel. Executado pelo Banco do Brasil por uma dívida de R$ 794 mil, Madlum penhorou 132 mil toneladas de cana-de-açúcar, referentes às safras de 1998, 1999 e 2000 e um imóvel de 55,6 hectares. A Justiça de primeiro grau expediu mandado de prisão do agropecuarista por ele não ter cumprido a determinação de entregar as referidas safras ou pagar o respectivo valor

SC no STF

O governador de SC, Espiridião Amin, ajuizou no STF uma ADIn – 2615 -, com pedido de liminar, contra dispositivo da Lei estadual 11.908/01, que fixa condições de cobrança do valor de assinatura básica residencial de telefone.

Antenas ligadas

A votação no Congresso Nacional da isenção da CPMF para aplicações em Bolsa e a divulgação da ata da reunião do Copom deve concentrar as atenções dos investidores nos próximos dias. Analistas, que incluem ainda os Estados Unidos entre as preocupações, dizem que o volume de negócios pode se manter superior à média do último mês, apesar da indefinição da Bolsa.

Faxina geral

Caso o STF concorde, os onze ministros da Corte poderão se livrar, de uma só vez, de mais de 30 mil processos, ainda não autuados, mas que foram protocolados na Casa durante o recesso forense. Esse gordo e pesado lote de recursos envolvem discussões vencidas sobre FGTS e a Caixa Econômica Federal. A proposta a ser levada ao STF pelo governo é a de que se aplique efeito vinculante ao exame das matérias para solucionar todas de uma vez só.

Emocionante

É uma linda homenagem, o artigo de hoje no jornal Folha de S.Paulo, "Duas vidas, uma trajetória", escrito por Ricardo Montoro, filho de D. Lucy e Franco Montoro. Falando dos pais ele diz:

"(...)Foi o encontro da saudade. A comunhão de duas pessoas de afinidade absoluta e identidade plena. O enlace definitivo e eterno. De sólida formação católica e humanista, base filosófica e espiritual da grande preocupação social que expressaram ao longo de toda a vida, Lucy e André encontraram na escolástica de santo Tomás, na reflexão teológica de Teil- lhard de Chardin e no pensamento filosófico de Jacques Maritain os alicerces éticos e morais para o correto exercício da vida pública.(...)"

Migalhas dos leitores

"Surpreende o fato de ‘Migalhas’ não nos manter atualizados sobre a situação da Justiça do Trabalho do Rio de Janeiro. Como se sabe, ontem, 21.2.02, a Presidente do TRT do Rio, Ana Maria Passos Cossermelli, entendeu por bem suspender os trabalhos no prédio da rua Santa Luzia, após recebimento do centésimo laudo do CREA, concluindo pelas péssimas condições do prédio. Ressalte-se que tal medida paralisou de vez as atividades da Justiça do Trabalho da cidade do Rio de Janeiro, algo inédito no Brasil. Entretanto, a despeito disso, ‘Migalhas’ não tece nenhum comentário. É muita indiferença!"  Carolina Pereira – escritório Demarest e Almeida

Resposta da Redação – A missivista tem razão. Hoje, no Editorial I, corrigimos nossa falha.

Editorial II

Na semana passada, o STF determinou que fosse realizado exame de DNA para descobrir quem é o pai de Angel Gabriel, o filho da cantora mexicana Gloria Trevi. Naquele momento, achamos um absurdo o caso, mas, ficamos inertes, esperando que alguma voz se levantasse contra. Ninguém falou nada. Talvez, porque a cantora seja estrangeira e não nos interessa seus assuntos. Entretanto, mesmo sendo estrangeira, ela tem os mesmos Direitos de privacidade que um brasileiro qualquer. A decisão do STF foi, a nosso ver, ilegal, pois invadiu a vida particular da cantora. De fato, sua gravidez foi uma caso atípico, mesmo porque a cantora estava presa. Mas, para saciar curiosos que querem saber qual foi o policial desastrado, não se pode passar por cima de princípios muito maiores, como o Principio da dignidade humana e o Princípio da privacidade. Logo que descoberto quem foi o autor da façanha, nada alterará, muito menos na polícia. Punir o policial resolverá este caso, mas não o problema da corporação, que é muito maior, está em sua estrutura, em sua seleção de pessoal. A princípio, Gloria teria dito que fora vítima de um estupro. Porém, ela nunca apresentou uma queixa formal do suposto crime. Assim sendo, não haveria objetivos jurídicos para a realização do exame.

Migalhas Cliping

The New York Times – EUA

"Israelis to Keep Arafat Confined, but Loosen Reins"

Financial Times Americas – Inglaterra

"Enersis puts figure on loss in Argentina"

Le Monde – França

"Enquête sur le nouveau parti de Jacques Chirac"

El País – Espanha

"Muehlegg arruina su mito"

Clarín – Argentina

"Deberán emitir porque cae la recaudación"

O Estado de São Paulo - São Paulo

"Aclamado, Serra anuncia Ministério para a Segurança"

Jornal do Brasil - Rio de Janeiro

"Botafogo salva fim de semana carioca"

Folha de São Paulo - São Paulo

"Maluf lidera em SP; Alckmin é o 2º"

O Globo - Rio de Janeiro

"Governo proíbe que dengue encareça planos de saúde"

O Estado de Minas - Belo Horizonte

"País gasta R$ 405 bi com juros da dívida"

Diário Catarinense - Florianópolis

"Indústria de SC é modelo no país"

Zero Hora - Porto Alegre

"Guerrilha seqüestra candidata e amplia tensão na Colômbia"

A Tarde - Salvador

"Vitória goleia e mantém liderança"

O Popular - Goiânia

"Médicos sem especialização fazem cirurgias plásticas"

O Povo - Fortaleza

"Casa própria – plano da Caixa atinge poucos mutuários"

Jornal do Commercio - Recife

"Foi só decepção"

O Imparcial - São Luís

"PTB nacional quer apoiar Ciro e o regional, Roseana"

_______________***_______________                                                                                                                                                         

 

Migalhas

 

Mais informações, colaborações, críticas e sugestões :

maismigalhas@uol.com.br ou migalhas@globo.com

 

Indicar amigos ou não receber mais esta publicação :

cadastromigalhas@uol.com.br ou cadastromigalhas@globo.com

Fontes: Folha Online, Agência Folha, Folha de S.Paulo, Veja Online, Exame, Info Exame, Reuters, Lusa, France Presse, The New York Times, Financial Times, Le Monde, USA Today, BBC, El País, The Boston Globe, Hearst Newspapers, Cox News Service, The New York Times, Agência Brasil, Agência Safras, Meu Dinheiro, Dinheironet, Consultor Jurídico, Ambiente Global, UOL, Jornal do Brasil, O Estado de São Paulo, STF, STJ, Zero Hora, Correio Braziliense, Diário de Cuiabá, Correio da Bahia, A Tarde, Diário de São Paulo, Hoje Em Dia, O Popular, Tribuna do Paraná, Diário Catarinense, O Estado de Minas, O Povo, O Imparcial, Tribuna de Minas, Tribuna do Norte, Valor Econômico, Gazeta Mercantil, O Estado do Paraná.