Declaração - Bolsonaro x Santa Cruz

30/7/2019
Derec de Almeida Jorgetti

"Enquanto a OAB está preocupada em opnar sobre assuntos políticos e despertar questões pessoais do seu presidente, a advocacia segue abandonada, em especial a trabalhista (Migalhas 4.654 – 30/7/19 – Aos fatos de ontem). Após uma 'reforma trabalhista' tecida nas entranhas da Fiesp, a revelia da advocavia (OAB), especialmente pra defender interesses de grandes empresas em detrimento dos trabalhadores e microempresários (que não podem contar com sindicatos aduladores), agora seguem sobrestados, por temerária determinação advinda do STF, processos que questionam cláusulas de acordos e convenções coletivas que estranhamente foram conferidas às grandes empresas pelos mesmos sindicatos aduladores. A OAB? Alheia, talvez nem saiba, empenha em uma briga que não é sua ou de seus mantenedores. Talvez seja pra isso que aproximados um milhão de advogados que paguam a anuidade de mil reais. Façam a conta da renda do monopólio, pois o custo de ter um monopólio está deprimido acima."

Envie sua Migalha