sexta-feira, 5 de junho de 2020

ISSN 1983-392X

Gramatigalhas

de 5/4/2020 a 11/4/2020

"Gostaria de esclarecer uma dúvida. Quais as formas de flexão estão corretas na locução verbal abaixo, dadas as seguintes hipóteses: a) É justo nós querermos ficar bem. b) É justo nós querer ficarmos bem. c) É justo nós querermos ficarmos bem. d) É justo nós querer ficar bem. Desde já agradeço pela sua atenção e, no aguardo de sua explicação, cordialmente subscrevo-me."

Renato Donini - 5/4/2020

"Ao estar com Alice, diga que mandei lembranças." (Frase dada como correta num ´site´ que trata da nossa Língua). Na frase, a preposição ´a´ introduz uma oração adverbial temporal, e, sendo assim, a ação expressa o tempo futuro do modo subjuntivo. Não é o caso de deixar de lado a regra que diz que, precedido de preposição, o verbo aparece no infinitivo pessoal? Soa estranho: ´Ao estiver com Alice, diga que mandei lembranças´, mas não é o correto? E agora?"

Júlio Cesar Soares - 8/4/2020

"Pintam-se placas. Nesse caso, temos o ´se´ funcionando como partícula apassivadora e verbo concordando com o sujeito paciente. Contudo, o verbo poderia ficar no singular com o ´se´ funcionando como índice de indeterminação do sujeito: Pinta-se placas."

Antonio Torres de Almeida - 8/4/2020

"Quero sanar uma dúvida sobre o uso do verbo ser/estar, empregados nestas expressões: ´A materialidade do crime ´é/está´ corroborada...; ou: ´A autoria ´é/está´ comprovada.. Tenho dúvida se, nos exemplos acima, empregando um ou outro, comprometeria o correto emprego gramatical desses verbos."

Julian Medeiros - 9/4/2020

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram