Biografia não autorizada - Roberto Carlos em Detalhes

28/2/2007
José Alfredo Gabrielleschi - Advocacia Masato Ninomiya

"Sou um dos 'happy few' que adquiriu a biografia de Roberto Carlos (façam fila para o empréstimo). Depois de lê-lo (e gostar do que li), não encontrei nada que fosse 'caracterizadamente violador da honra, da privacidade, ou da imagem' (usando as palavras do Dr. Marco Antônio Bezerra Campos) do Rei (Migalhas 1.602 – 27/2/07 – "Direitos e direitos" – clique aqui). Só posso concluir que o livro teve sua divulgação interrompida por ser 'não-autorizado'; isto é, não recebeu o beneplácito ('concordância régia', segundo o Dicionário do Houaiss) do biografado. Parece-me que a crítica à proibição da divulgação da obra deve se centrar sobre este ponto: uma obra sobre determinada pessoa, ou sobre determinado tema histórico, só pode ser publicada se seu texto receber a concordância prévia de todos os envolvidos nos fatos narrados? Se levarmos ao limite este entendimento, nem uma migalha de informação poderá ser externada. Afinal de contas, imagem pública é a imagem que se publica."

Envie sua Migalha