Governo Lula

18/12/2007
José Cícero da Silva - Professor - Aurora/CE

"Não consigo conceber bem a questão do pecado. Porém, ao meu juízo, se pecado realmente existe creio que o tal bispo de Barra/BA, esteja praticando um dos mais gritantes, quiçá com a exata dimensão do 'velho Chico'. Ainda por cima, contrariando frontalmente a sua igreja, justamente quando se nega a Partilhar com os necessitados um pouco da fartura hídrica do São Francisco a escorrer dia e noite para o mar. Por esta razão o bispo Cappio se transforma de vez, num antifranciscano na 'cuia grande' como se diz aqui no Cariri. Penso, contudo, que o sacerdote deve ter se encantado com a repercussão midiática da sua primeira ação. Ora, na época a mídia queria desestabilizar o governo Lula. Agora não está nem aí para o fato, posto que não tem mais interesse nesta pantomima insossa. Ao longo da história, inúmeros foram os nordestinos que sucumbiram de inanição e fome, vítimas do flagelo repetitivo das secas. Portanto, a fome nos nossos grotões é uma realidade nua e crua até hoje. De modo que este negócio de 'greve' é uma balela à vista do drama a muito vivido pela nossa gente. O próprio presidente Lula um dia, como muitos ainda hoje o fazem, foi obrigado a fugir do Nordeste para não morrer de fome. Quanto muito o fantasma da seca tem feito historicamente de milhões de sertanejo-nordestinos verdadeiros exilados na sua própria pátria. Ora, bolas! Greve de fome é coisa da elite, da burguesia. Fome mesmo é a que secularmente assola o sertanejo forte e resistente dos rincões dos esquecidos. São Francisco, o santo da natureza, e padre Cícero o patriarca do Nordeste estão do lado dos mais fracos. Viva a transposição!"

Envie sua Migalha