Terça-feira, 22 de janeiro de 2019

ISSN 1983-392X

A Editora Unijuí entregou ao Papai Noel 5 obras. São elas:


  • 1 exemplar da obra "O Fenômeno Global e o Impacto dos Movimentos Feministas"
  • 1 exemplar da obra "Limites Das Teorias da União Europeia"
  • 1 exemplar da obra "Sociologia Jurídica"
  • 1 exemplar da obra "O Pensamento Latino-Americano na Virada do Século"
  • 1 exemplar da obra "Reflexões sobre os 60 anos da ONU"

_____________
_______

"O Fenômeno Global e o Impacto dos Movimentos Feministas - Autor: Renata Guimarães Reynaldo" - (188 p.)

A obra busca compreender, em linhas gerais, as configurações da globalização hegemônica, seus impactos para as mulheres, a atuação dos movimentos feministas na esfera transnacional e suas contribuições para o movimento pela justiça global. Pretende assim evidenciar que um olhar sob o viés de gênero é essencial para se compreender o fenômeno global, ou globalização, em sua complexidade, reconhecendo a importância das lutas feministas no cenário internacional.

"Limites Das Teorias da União Europeia - Autor: Juliana Wüst Panceri" - (163 p.)

O atual contexto internacional encontra-se marcado por tentativas de aproximação entre os Estados para fins de cooperação nos âmbitos econômico, político, social, cultural, etc. Nesse ambiente surgiram, em um aprofundamento da colaboração entre os países, processos de integração, dentre os quais destaca-se por sua originalidade e amplitude o caso da formação da União Europeia. Paralelamente à conformação desses processos estruturaram-se também teorias sobre o citado fenômeno como os aportes do funcionalismo, neofuncionalismo, federalismo e intergovernamentalismo e recentemente a abordagem da governança de múltiplos níveis. Apresentando um estudo comparativo entre estas teorias, alinhada à análise histórica e funcional deste bloco, a presente obra busca compreender o desenvolvimento e atual funcionamento deste organismo internacional tão singular que é a UE.

"Sociologia Jurídica - Autor: Enio Waldir da Silva" - (309 p.)

Com a Sociologia Jurídica procuramos pensar o Direito para além da "teoria pura", no sentido de que a norma jurídica não pode ser tratada de forma isolada ou separada dos contextos sociais que lhe dão origem e fundamento. São os homens, como seres sociais concretos, que produzem as estruturas jurídicas de regulação da vida social, considerando os interesses e os lugares que efetivamente ocupam na sociedade. Compreender a especificidade das estruturas jurídicas na produção da vida social é a tarefa da Sociologia Jurídica.

"O Pensamento Latino-Americano na Virada do Século - Autor: Eduardo Devés Valdés" - (296 p.)

O livro trata do pensamento latino-americano e é animado por um desejo continentalista, ou seja, por um desejo de construir o pensamento latino-americano como totalidade. Nesta perspectiva não há fundamentalismos nem ortodoxias, mas sim algo que é mais frágil, por um lado, e mais forte, por outro, um afã de identidade. A identidade é um fato, um objetivo e um direito, mas não é algo óbvio e nem unívoco.

"Reflexões sobre os 60 anos da ONU - Autor: Orgs: Araminta Mercadante e José Carlos de Magalhães" - (562 p.)

Este livro, em consonância com tal turbulência da vida internacional, dos acertos e erros cometidos pela "Família das Nações", tem por objetivo pensar os 60 anos da ONU e conta com a colaboração de vários estudiosos do Direito Internacional, representando o pensamento do meio universitário brasileiro.





PS
: Para concorrer automaticamente a todos os prêmios, basta atualizar seu cadastro, clicando aqui. E se no dia 25 de dezembro este Papai Noel pular na sua chaminé e rechear a sua árvore, parabéns, você é um migalheiro de sorte !