quarta-feira, 30 de setembro de 2020

PÍLULAS
quarta-feira, 30 de setembro de 2020

Baú migalheiro

Baú migalheiro

Em 30 de setembro de 1917, há 103 anos, nasceu em Surubim/PE, José Abelardo Barbosa de Medeiros, o Chacrinha, comunicador de rádio e famoso na televisão brasileira por seus programas de auditório, entre 1950 e 1980. Seu aniversário de 70 anos foi comemorado com um jantar oferecido em sua homenagem pelo então presidente, José Sarney. No ano seguinte, Chacrinha ficou doente e faleceu no dia 30 de junho de 1988, no Rio de Janeiro, por conta de infarto e insuficiência respiratória, além de lutar contra um câncer no pulmão. 

terça-feira, 29 de setembro de 2020

Baú migalheiro

Baú migalheiro

Em 29 de setembro de 1547, nasceu o escritor, dramaturgo e poeta espanhol Miguel de Cervantes Saavedra, em Acalá de Henares, na Espanha. Sua obra Dom Quixote é considerada uma das melhores de ficção já escritas. A influência de Cervantes se tornou tão grande que a língua espanhola também foi chamada como "a língua de Cervantes". Durante os últimos nove anos de sua vida, Cervantes solidificou sua reputação como escritor. Foi enterrado no dia 23 de abril de 1616, em Madri. Ele teria falecido no dia anterior, mas, de acordo com um costume da época, a data de morte era considerada o dia em que era realizado o enterro.

segunda-feira, 28 de setembro de 2020

Baú migalheiro

Baú migalheiro

Em 28 de setembro de 1942, há 78 anos, nasceu Sebastião Rodrigues Maia, mais conhecido como Tim Maia. Cantor de grande talento e popularidade, cresceu nos anos 50 sob a influência das músicas de Billl Halley, Elvis Presley, Little Richard e Jerry Lee Lewis. Em 1957, fazia parte do grupo Os Sputniks, que contava com Roberto e Erasmo Carlos. Dois anos depois, foi para os Estados Unidos, onde estudou inglês e teve contato com a soul music. Seu primeiro compacto foi gravado em 1970. A partir daí, sua fama só cresceu e várias de suas músicas tornaram-se clássicos. Morreu no dia 15 de março de 1998, em Niterói/RJ, vítima de parada cardíaca causada por infecção generalizada, aos 55 anos. 

sexta-feira, 25 de setembro de 2020

Baú migalheiro

Baú migalheiro

Em 25 de setembro de 1884, há 136 anos, nasceu Edgard Roquette-Pinto, precursor da radiodifusão brasileira. Escreveu um dos marcos da etnografia brasileira, o livro Rondônia, que o levaria, posteriormente, à Academia Brasileira de Letras, em 1927. Em 1922, teve contato com os equipamentos de rádio e iniciou sua luta para usar o novo meio de comunicação como ferramenta para a educação e cultura. Em 1923, no dia 20 de abril, fundou a primeira estação de rádio no Brasil, a Sociedade Rádio do RJ. Anos depois, para não a transformar em um veículo comercial, Roquette-Pinto preferiu doá-la ao ministério de Educação e Cultura. Nascia assim a atual Rádio MEC. Morreu no dia 18 de outubro de 1954. 

quinta-feira, 24 de setembro de 2020

Baú migalheiro

Baú migalheiro

Há 131 anos, em 24 de setembro de 1889, nasceu Antônio Geremário Teles Dantas, político, jornalista, advogado e escritor brasileiro. Formou-se em Direito, em 1912, pela Faculdade Livre de Ciências Jurídicas e Sociais do Rio de Janeiro. De 1922 a 1930 exerceu o cargo de Diretor Geral da Fazenda Municipal, assumindo entre maio e outubro de 1930 a direção do Montepio dos Funcionários Públicos do DF. Geremário Dantas faleceu aos 45 anos, vítima de leucemia. Em sua homenagem, a antiga Estrada da Freguesia passou a se chamar Avenida Geremário Dantas. 

quarta-feira, 23 de setembro de 2020

Baú migalheiro

Baú migalheiro

Em 23 de setembro de 1913, há 107 anos, o pioneiro da aviação francesa, Roland Garros, entrou para a história ao realizar a primeira travessia aérea sem escalas do Mediterrâneo. A viagem ocorreu em 7h53m, apesar de problemas com o motor quando sobrevoava a Córsega. A aventura começou na cidade de Fréjus, na costa sul da França. Restavam-lhe cinco litros de combustível quando pousou em Bizerte, na Tunísia. Após isso, ele se transformou em piloto de guerra entre 1914 e 1918. Foi feito prisioneiro pelos alemães na Primeira Guerra, mas depois conseguiu fugir. Retomou seu posto na esquadrilha, contudo foi morto durante um combate aéreo em 5 de outubro de 1918, sobre as Ardenas, na França. 

terça-feira, 22 de setembro de 2020

Baú migalheiro

Baú migalheiro

Em 22 de setembro de 1945, há 75 anos, nasceu, no Rio de Janeiro, Luiz Gonzaga do Nascimento Junior, mais conhecido como Gonzaguinha, cantor e compositor brasileiro. Por conta da sua postura contra o regime militar no Brasil, boa parte de suas músicas eram censuradas. Mais tarde, com o começo da abertura política, Gonzaguinha passou a usar um discurso mais suave e compôs grandes sucessos. Morreu no dia 29 de abril de 1991, em Renascença, no Paraná vítima de um acidente de carro, após show em Pato Branco. 

segunda-feira, 21 de setembro de 2020

Baú migalheiro

Baú migalheiro

Há 78 anos, em 21 de setembro de 1942, faleceu Lindolfo Leopoldo Boeckel Collor, jornalista e político brasileiro, avô de Fernando Collor de Mello, presidente do Brasil, de 1990 a 1992. Foi deputado Estadual e Federal. Na Câmara Federal integrou as comissões de Diplomacia e Tratados e de Finanças, ocupando ainda a liderança do PRR. Foi ministro do Trabalho, Indústria e Comércio. Em 1938 foi acusado de conspirar contra o governo. Exilou-se, então, na França e em Portugal. Em fins de 1941, retornou ao Brasil. Morreu em setembro de 1942, no Rio de Janeiro. 

sexta-feira, 18 de setembro de 2020

Baú migalheiro

Baú migalheiro

Em 18 de setembro de 1907, há 113 anos, nasceu Edwin Mattison McMillan, físico norte-americano conhecido por seu trabalho sobre os elementos transurânicos. Em 1940 descobriu, junto com seu colega Philip H. Abelson, o Netúnio, o primeiro elemento transurânico. Investigações posteriores levaram também à descoberta do Plutônio. Por suas contribuições à química dos elementos transurânicos recebeu, em 1951, junto com Seaborg, o Prêmio Nobel de Química. Em 1963 McMillan compartilhou com o físico soviético Vladimir Iosovitch Veksler o prêmio Átomos para a Paz, e em 1990 recebeu a Medalha Nacional da Ciência. Faleceu em 1991.

quinta-feira, 17 de setembro de 2020

Baú migalheiro

Baú migalheiro

Em 17 de setembro de 1941, há 79 anos, nasceu em Juiz de Fora/MG, Fernando Paulo Nagle Gabeira, escritor, jornalista e político. Ficou conhecido por suas posições quanto a profissionalização da prostituição, casamento homossexual e descriminalização da maconha. Durante o regime militar no Brasil, participou da luta armada e do sequestro do embaixador norte-americano Charles Elbrick. O episódio é narrado em seu livro "O que é isso, companheiro?". Foi preso em 1970, e, numa tentativa de fuga, foi atingido por uma bala nas costas, o que perfurou seu rim, estômago e fígado. Gabeira ficou exilado entre 1970 e 1979. Voltou ao Brasil em 1979 e passou a atuar como jornalista e escritor, defendendo o fim do regime militar. Foi deputado Federal pelo Rio de Janeiro.