domingo, 12 de julho de 2020

ISSN 1983-392X

Dados

Recuperação de crédito cresce 3,5% em 2013

Considerando apenas varejo, o pagamento de dívidas aumentou 1% no ano.

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

O indicador de recuperação de crédito, obtido a partir da quantidade de exclusões dos registros de inadimplentes, cresceu 3,5% em 2013, conforme apurado pela Boa Vista Serviços S/A, administradora do SCPC. Houve queda de 2,7% em dezembro de 2013, em relação a novembro, descontados os efeitos sazonais.

A desaceleração dos rendimentos reais, menor crescimento da população ocupada no mercado de trabalho, menores impactos nos últimos meses das condições de crédito na economia, entre outros fatores, resultaram na redução do ritmo de crescimento da recuperação de crédito em 2013.

Regiões

Na comparação de 2013 com 2012, as regiões Nordeste (7,9%), Norte (7,2%) e Centro-Oeste (6,8%) foram as com os maiores percentuais de pagamento de dívidas. O Sudeste apresentou expansão de 1,2%, enquanto o Sul avançou 4,4%, ambas puxando para baixo a média anual do indicador.

Já na comparação de dezembro contra novembro de 2012, os indicadores de todas as regiões contraíram, destacando-se as variações de Centro-Oeste, Nordeste e Sul, com quedas de, respectivamente, 3,8%, 3,7% e 2,6%, – expurgados os efeitos sazonais. No Sudeste, a queda do indicador foi de 2,3%, enquanto na região Norte, houve retração de 2,0%, ambos na mesma base de comparação.

Varejo

A recuperação de crédito no setor varejista cresceu 1,0% em 2013, em relação a 2012. Entre as regiões destacaram-se as variações do Centro-Oeste e Norte (ambas com 2,4%), Nordeste (2,0%) e Sudeste (0,4%). Já na região Sul o indicador se manteve estável.

O indicador de recuperação de crédito é elaborado a partir da quantidade de exclusões dos registros de dívidas vencidas e não pagas informados à Boa Vista pelas empresas credoras. As séries têm como ano base a média de 2011 = 100 e passam por ajuste sazonal para avaliação da variação mensal.

_____________

Boa Vista Servicos S/A

patrocínio

Advertisement

últimas quentes

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram