quinta-feira, 21 de outubro de 2021

MIGALHAS QUENTES

fechar

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. Resultado do sorteio da obra "Código de Machado de Assis"
Promoção

Resultado do sorteio da obra "Código de Machado de Assis"

Livro mostra a grande influência que o Direito tem em toda a vida do Bruxo do Cosme Velho.

quarta-feira, 15 de setembro de 2021

Investigar os mistérios machadianos. Essa é a proposta do recém-lançado livro "Código de Machado de Assis" (Migalhas - 592p.), de autoria do jornalista e advogado Miguel Matos, que se debruça sobre a obra do Bruxo do Cosme Velho, percorrendo textos e garimpando valiosas notas jurídicas. Com prefácio assinado pelo ministro Barroso e apresentação do ex-presidente José Sarney, a obra é uma verdadeira aventura literária. 

(Imagem: Arte Migalhas)

(Imagem: Arte Migalhas)

O autor encontra nesse universo mais de 200 personagens da área do Direito que ganharam vida pela pena de Machado de Assis (para quem não se lembra, o protagonista de Dom Casmurro, por exemplo, Bentinho, era um excelente advogado).

Opiniões machadianas sobre atuais temas do Direito Eleitoral, como o voto feminino, eleições diretas, fim do voto censitário, e ainda sobre questões como a situação nas cadeias e a violência policial estão presentes na obra. Há comentários sobre Direito Penal, Constitucional, Societário, etc. Há até corrupção na obra machadiana, tanto no Estado como no Judiciário. 

O livro, além de ser uma aventura literária ao flanar com Machado pelo Rio de Janeiro do Segundo Reinado, traz uma experiência: uma série de valiosas imagens de jornais antigos, espalhados pelas páginas QR codes, que permitem visualização mais detalhada. Uma verdadeira viagem no tempo.

Miguel Matos presenteia o leitor com a definitiva solução para o famoso mistério envolvendo a traição (ou não) de Capitu.

(Imagem: Wallace Martins)

Apresentação 

A apresentação do livro é assinada pelo presidente José Sarney, imortal da Academia Brasileira de Letras.

Sarney destaca que Machado foi um fenômeno sem equiparação na história da literatura, e que o autor do Código conseguiu, com maestria, garimpar, examinar, provar e mostrar uma faceta do Machado de Assis conhecedor do Direito, da advocacia, do processo jurídico, do criminoso e do crime.

"O livro é um volume eloquente, com o amplo estudo de passagens e exemplos. É uma leitura que nos faz reler Machado, o que é sempre excelente; mas é também a leitura de um escritor que soube ler e aproveitar as lições do grande escritor." 

Prefácio

O ministro do Supremo Tribunal Federal Luís Roberto Barroso, atual presidente do TSE, assina o prefácio. O ministro destaca que, em meio às notícias do dia a dia [acrescentamos: cada vez mais preocupantes], "Miguel Matos nos pede uma pausa na pressa, no pragmatismo e nas aflições para um momento lúdico: um pouco de literatura. Da melhor que já se produziu no Brasil. Com padrão mundial."

"O livro revela um Machado de Assis progressista, à frente do seu tempo, como documentam passagens pinçadas e transcritas por Miguel."

A obra tem um site específico, com mais informações: codigodemachadodeassis.com.br  

__________

Ganhadora:

Alboni Marisa Vieira, professora da PUC/PR, em Curitiba/PR

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 15/9/2021 10:29