Migalhas

Sexta-feira, 10 de abril de 2020

ISSN 1983-392X

Resultado do sorteio de obra "Lei dos Juizados Especiais Cíveis Estaduais Comentada"

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2007


Sorteio de Obra

Migalhas sorteou um exemplar da obra "Lei dos Juizados Especiais Cíveis Estaduais Comentada" (304 p.), elaborada e desenvolvida pelos Juízes de Direito Fernanda Baeta Vicente e Luís Fernando Nigro Corrêa, e cordialmente oferecida pela Editora Del Rey.

Sobre a obra:



A presente obra tem por escopo oferecer ao leitor considerações sobre os artigos da Lei n. 9.099 de 1995, especificamente no que refere aos Juizados Especiais Cíveis. Sem a pretensão de exaurir a imensa gama de questões que poderiam ser suscitadas em cada um de seus dispositivos, mas tecendo alguns comentários que os autores reputam relevantes, principalmente sob o prisma da aplicação prática dos dispositivos. Por tal razão é que obra "Lei dos Juizados Especiais Cíveis Estaduais Comentada", de forma complementar, selecionou julgados que abordam questões relativas à interpretação da Lei.

Sobre os autores:

Fernanda Baeta Vicente é juíza de Direito no Estado de Minas Gerais. Luís Fernando Nigro Corrêa é mestre em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), mestre em Integração Européia pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, e juiz de Direito no Estado de Minas Gerais.

Sobre a editora:

Há quase 30 anos, Arnaldo Oliveira – diretor-presidente da Livraria e Editora Del Rey – percebeu que os estudantes do curso de Direito da Universidade Federal de Minas Gerais precisavam de apostilas para consultas rápidas, mas tinham grandes dificuldades em encontrá-las. O jovem da cidade de Patrocínio, no Triângulo Mineiro, percebeu que os cadernos dos melhores alunos eram referência para a maior parte da turma. Arnaldo os procurou e transformou seus textos em apostilas mimeografadas e encader­nadas. Nasciam, assim, os primeiros "livros" da Del Rey.

O próximo passo foi a abertura da primeira livraria especializada em livros jurídicos de Minas Gerais, no centro de Belo Horizonte. Cerca de dez anos depois, em 1989, Arnaldo Oliveira abraçou a tarefa de trazer a público novas idéias, expandindo o número de publicações da Del Rey. O resultado foi a consolidação da maior editora especializada em Direito de Minas Gerais e uma das cinco maiores do Brasil.

Sediada em Belo Horizonte, onde possui 4 livrarias, a Del Rey é uma referência no ramo jurídico. Sua filial em São Paulo é responsável pela divulgação, venda e distribuição dos livros Del Rey para todo o país, além de coordenar a participação da empresa em eventos jurídicos nacionais. O catálogo da Editora possui mais de 400 títulos de renomados autores em diversas áreas do mundo jurídico. A cada ano, são publicados cerca de 60 novos títulos dos mais variados temas, abrangendo do direito tradicional ao moderno. A Editora Del Rey orgulha-se por estar cada vez mais presente na vida dos operadores do Direito em todo o Brasil, expandindo horizontes com a publicação de obras de inquestionável relevância social e grande contribuição para o meio jurídico.

___________

 Resultado:

  • Lincoln José Rufino, de Parnamirim/RN

patrocínio

Advertisement

últimas quentes