sábado, 19 de setembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Lançamento de obra "Processo Civil: Análises, Críticas e Propostas"


Lançamento

"Processo Civil: Análises, Críticas e Propostas" tem a co-autoria de Eduardo de Albuquerque Parente

Eduardo de Albuquerque Parente, advogado sócio do escritório Neumann, Salusse, Marangoni Advogados é um dos co-autores da obra "Processo Civil: Análises, Críticas e Propostas", publicação da SRS Editora. O livro tem a coordenação de João Batista Amorim de Vilhena Nunes. O coquetel de lançamento acontece no dia 22/8, às 20h, no Clube Atlético São Paulo (rua Visconde de Ouro Preto, 119, Consolação, Centro, São Paulo).

O coordenador:

João Batista Amorim de Vilhena Nunes é juiz de Direito, diretor do Juizado Especial Cível da Comarca de Diadema. Membro e vice-presidente do Colégio Recursal do Juizado Especial Cível da 2ª Circunscrição Judiciária do Estado de São Paulo. Coordenador do Núcleo Sul da Escola Paulista da Magistratura. Professor de Direito Civil e Processual Civil na Universidade Paulista - UNIP.

Os co-autores:

Ana de Lourdes Coutinho Silva é mestre e doutora em Direito Processual Civil pela USP. Desembargadora do TJ/SP.

Carlos Eduardo Stefen Elias

Eduardo Albuquerque Parente é mestre e doutorando em Direito Processual Civil pela Faculdade de Direito de São Paulo - USP. Professor dos cursos de especialização em Direito Processual Civil da Fundação Getúlio Vargas (GV-law). Integrante do Instituto Brasileiro de Direito Processual. Advogado, sócio do escritório Neumann, Salusse, Marangoni Advogados.

Fabiano Carvalho é mestre e doutor em Direito Processual pela PUC/SP. Professor do curso de especialização em Direito Processual Civil na PUC/SP. Professor da Escola Superior de Advocacia da OAB/SP e da Universidade Paulista. Advogado.

Fernão Borba Franco é juiz de Direito em São Paulo, tendo por vários anos atuado em Varas da Fazenda Pública. Com este trabalho, foi agraciado com o título de mestre pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, sob a orientação do professor dr. Carlos Alberto Carmona.

Gláucia Assalin Nogueira é advogada. Atua principalmente nas áreas de direito civil e processual civil. Mestre em Direito Processual pela Universidade de São Paulo.

João José Custódio da Silveira é juiz de Direito, coordenador regional da Escola Paulista da Magistratura e sócio honorário da Academia Brasileira de Direito Processual Civil. Pós-graduado em Direito Processual Civil pela EPM. Professor da disciplina na graduação da Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), na pós-graduação da Universidade Paulista (UNIP) e na Escola Superior de Advocacia (ESA).

Mirna Cianci é procuradora do estado de São Paulo. Autora do livro O Valor da reparação moral, e diversos artigos em revistas e sites especializados.

Ricardo de Barros Leonel é mestre e doutor em Direito Processual Civil pela USP. Promotor de Justiça no Estado de São Paulo.

Rodolfo da Costa Manso Real Amadeo é bacharel em Direito e mestre em Direito Processual pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (Fadusp). Advogado em São Paulo.

Sidnei Amendoeira Jr é advogado em São Paulo. Mestre e doutor em Direito Processual Civil pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Professor no curso de graduação das Faculdades Integradas Cantareira e nos cursos de pós-graduação em Direito Processo Civil da COGEAE em São Paulo, Botucatu e Sorocaba, EPD - Escola Paulista de Direito, MS, UNICID e no Instituto Paranaense de Ensino (Maringá/PR). Sócio do Instituto Brasileiro de Direito Processual - IBDP e da Associação Brasileira de Franchising - ABF.

___________

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 1/1/1900 12:00

Compartilhar