terça-feira, 22 de setembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Informativo nº 85 do MDA - Movimento de Defesa da Advocacia

As notícias do informativo do MDA - Movimento de Defesa da Advocacia.


Informativo n° 85

As notícias do informativo do MDA - Movimento de Defesa da Advocacia

ADVOGADO NÃO PODE RETER DINHEIRO QUE CLIENTE GANHOU NA JUSTIÇA

O advogado não pode decidir, por si só, a forma de pagamento dos honorários devidos a ele, nem descontar, como bem entender, o valor dos créditos recebidos pelo seu cliente. O entendimento é da 3ª Turma do Superior Tribunal de Justiça. A Turma colheu parte do recurso de um advogado de São Paulo para que seu cliente pague a ele a porcentagem devida a título de honorários. (Clique aqui)

ADVOGADO CANDIDATO NÃO PODE USAR O TÍTULO DE DOUTOR

É vedada a utilização do título de doutor antecedendo o nome do advogado e adjetivando frases de efeito em material de divulgação de candidatura política. Também é proibida a referência à atividade advocatícia na propaganda eleitoral. (Clique aqui)

ADVOGADOS PODEM TER ACESSO AOS AUTOS DE PROCESSOS ELETRÔNICOS NO CNJ

O plenário do CNJ revogou o Enunciado Administrativo nº11 que restringia o acesso aos autos de processos eletrônicos "apenas às partes e seus advogados constituídos e ao Ministério Público". (Clique aqui)

ADVOGADOS CONSIDERAM EXCESSIVO USO DE ESCUTAS TELEFÔNICAS

As interceptações telefônicas e a nova lei que regulamenta a prática foi um dos temas debatidos nesta quarta-feira (3/9), no seminário "Perspectivas da Justiça Criminal A Agenda das Reformas Penais Luz da Experiência Nacional e Internacional", organizado pela Associação dos Advogados de São Paulo. (Clique aqui)

CARTA DA OAB SOBRE APROVAÇÃO DA LEI 11.767/2008

Leia a carta da OAB sobre a lei que reconhece a inviolabilidae do escritório ou local de trabalho do advogado. (Clique aqui)

_______________







________________

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 1/1/1900 12:00

Compartilhar